XP Inc. lança programa de voluntariado com SOS Mata Atlântica
19 de julho de 2021
  • English

Profissionais da XP irão se dedicar aos desafios de gestão de entidades selecionadas que atuam no bioma Mata Atlântica

A XP Inc. e a Fundação SOS Mata Atlântica lançam o programa de voluntariado “Desafio de Gestão XP Inc – SOS Mata Atlântica”. O trabalho dos voluntários irá contribuir para a autonomia, sustentabilidade e gestão das Organizações da Sociedade Civil (OSC) que atuam em causas socioambientais na Mata Atlântica. O lançamento do programa atende uma demanda dos colaboradores da empresa que fazem parte do grupo ambiental XP Bio.

A primeira fase do projeto é o lançamento do edital de chamamento público de OSCs que atuam no bioma Mata Atlântica – que teve sua cobertura florestal reduzida a 12,4% de sua extensão original, está presente em 17 estados brasileiros, abrigando cerca de 72% da população do país, sete das nove maiores bacias hidrográficas e três dos maiores centros urbanos do continente sul-americano.

As OSCs enfrentam desafios que incluem a escassez de recursos humanos, dificuldade de acesso a fontes de financiamento e a falta de processos relacionados a sua administração. O programa de voluntariado irá conectar os profissionais da XP com os desafios de gestão apresentados pelas entidades com o objetivo de contribuir para que elas cheguem ao final do programa fortalecidas e possam seguir participando das políticas públicas e de inovação social.

“A Diretoria ESG está completando um ano de sua criação aqui na XP Inc. e o anúncio do nosso programa de voluntariado criado pelo XP Bio, grupo interno de colaboradores dedicado à pauta ambiental, junto com o SOS Mata Atlântica vem atender a uma demanda interna dos nossos profissionais e também reforça nossa atuação no pilar “E” (meio ambiente)”, analisa Helena Masullo, head de Estratégia ESG da XP Inc.

Para Marcia Hirota, diretora executiva da SOS Mata Atlântica, a iniciativa da XP e de seus colaboradores é muito valiosa. “Diversas organizações ambientais precisam de suporte e o apoio para o fortalecimento institucional é fundamental para que elas alcancem resultados cada vez melhores”, ressalta. “As ONGs poderão contar com a dedicação individual – tempo, conhecimento e habilidades – de excelentes profissionais, que por sua vez contribuem para o meio ambiente e a proteção da Mata Atlântica”, afirma.

As OSCs elegíveis ao programa são aquelas que atendam a critérios como: ser uma organização privada brasileira, sem fins lucrativos e que comprove, em seus estatutos e currículo, ações de conservação do meio ambiente, educação ambiental, fortalecimento comunitário, proteção e uso público em Unidades de Conservação públicas e RPPN (Reservas Particulares do Patrimônio Natural), defesa ou recuperação de regiões específicas ou uso sustentável dos recursos naturais da Mata Atlântica. Os critérios para seleção das entidades incluem a relevância e qualidade da apresentação do Desafio de Gestão; as realizações passadas da e seu potencial para superar o Desafio; e ter um Desafio cuja resolução resulte em mudanças positivas e permanentes.

O edital será lançado dia 15/07 e ficará aberto até 20/08 e as OSCs selecionadas serão anunciadas no início de setembro.

Inscrições podem ser feitas na página https://lp.xpi.com.br/edital-xpi-sosma-voluntariado-2021.

 
Twitter e-Mail Facebook Whatsapp Linkedin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.