Não há evidências de que o uso de máscaras contra a COVID-19 provoque câncer
03 de julho de 2020
  • English

Publicações compartilhadas centenas de vezes em redes sociais desde meados de junho asseguram que o uso de máscaras pode criar um “cultivo agradável para bactérias”, provocar hipercapnia e gerar acidose, fazendo com que o usuário desenvolva câncer. Especialistas consultados pela AFP sinalizaram que a primeira afirmação é verdadeira, embora possa ser solucionada com medidas de higiene adequadas, mas que todas as outras são falsas. Leia mais aqui

 
Twitter e-Mail Facebook Whatsapp Linkedin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.