×

Panorama das agências de comunicação e planejamento e práticas em responsabilidade social são temas de pesquisas da Aberje

Rede Aberje

O DatAberje, instituto de pesquisas da Aberje, junto a parceiros de mercado, vai dar início a novas coletas no mês de abril. Os estudos destinam-se a diferentes focos de atendimento de insights e pontos de publicação. A ideia geral é levantar informações relevantes para tomada de decisão dos profissionais associados, e também da sociedade em geral.

A pesquisa “Panorama das Agências de Comunicação no Brasil” é o trabalho que inicia coleta na próxima semana. Os resultados serão publicados em primeira mão no Anuário Brasileiro de Comunicação Corporativa, organizado pela agência associada Mega Brasil Comunicação. A circulação acontece no final de maio. Na sequência, o relatório seguirá para os associados da Aberje.

O mapeamento vai definir realidades como a participação da agência em redes de afiliadas ou atuação independente, processos de fusões e aquisições, tempo de atuação, número de funcionários, forma de contratação da equipe, os processos de comunicação oferecidos aos clientes, existência de programa de diversidade, inovações tecnológicas já incorporadas, os desafios dos próximos 12 meses, as áreas de maior crescimento no ano anterior e no próximo ano, os desafios das agências para comunicar-se com o mercado contratante e os meios utilizados para esta promoção. Também estão no questionário os métodos de recrutamento, as dificuldades na busca por talentos, as habilidades mais relevantes para executivos de comunicação na visão dos fornecedores e quais as principais motivações para trabalhar com agências. Os critérios utilizados para avaliar eficácia nas atividades da agência são pontos ainda analisados.

Outra pesquisa entra em coleta no final de abril. Trata-se de “Planejamento e Práticas de Responsabilidade Social e Sustentabilidade nas organizações no Brasil”. Qual a prioridade do tema na agenda corporativa, a existência de programa formalizado e publicado, a área formal estruturada e responsável pela gestão do tema com título, nível hierárquico, report e tamanho de equipe são algumas das questões. Também serão buscados dados sobre comitês no tema, principais objetivos com a implantação de políticas na área, as áreas potenciais de concentração de atenção e investimento, os grupos influentes na agenda, métodos utilizados para identificar as linhas de atuação preferenciais e existência de parcerias com governo ou outras organizações.

O instrumento de coleta ainda solicita informações sobre trabalho de redução de impacto ambiental, padrões de sustentabilidade nos processos de compra, o envolvimento de fornecedores, a participação no Pacto Global, o uso dos parâmetros das ODS’s, métricas para monitoramento e reporte no tema e os principais barreiras para implantação de projetos de responsabilidade.

Para participar de quaisquer das pesquisas, entre em contato com Carlos Ramello pelo c.ramello@aberje.com.br .