Ampliar o acesso dos jovens brasileiros à educação financeira é o objetivo da parceria que acaba de ser firmada entre a ANBIMA (Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais) e o CIEE (Centro de Integração Empresa-Escola) – as duas instituições são associadas da Aberje. Além de aproximar os estudantes ao universo das finanças pessoais, o acordo entre as entidades também vai contribuir para a formação profissional daqueles que pretendem seguir carreira no mercado financeiro.

Ainda no primeiro semestre, os alunos de ensino técnico profissionalizante e de nível superior cadastrados no sistema do CIEE poderão participar gratuitamente do curso “Como Investir em Você”. Serão abertas turmas semestrais, com 10 mil vagas cada. Oferecido pela plataforma online da ANBIMA, o conteúdo apresenta noções sobre investimentos e planejamento financeiro. “O curso foi criado especialmente para o jovem em período de formação, com o objetivo de ajudá-lo a tomar decisões conscientes em relação à sua vida financeira, estimulando-o a adotar comportamentos sustentáveis, maduros e responsáveis”, afirma Robert van Dijk, presidente da ANBIMA. Desde 2014, quando foi lançado, mais de 62 mil pessoas já participaram desse treinamento.

Para os estudantes que têm interesse em ingressar em carreiras do mercado financeiro, a parceria vai oferecer outras duas oportunidades. Uma delas é o curso “Mercado Financeiro de A a Z”, que faz parte da grade de treinamentos da ANBIMA e será disponibilizado gratuitamente pelo Portal CIEE, por meio do CIEE Saber Virtual. Com carga horária de 15 horas, o conteúdo aborda a estrutura e as principais características do sistema financeiro brasileiro. Todos os participantes receberão um certificado após a conclusão do curso.

A outra novidade é a isenção nas inscrições para o exame da CPA-10 (Certificação Profissional ANBIMA – série 10). A cada ano, entre os estudantes cadastrados no CIEE que cursem Economia, Contabilidade, Administração, Ciências Atuariais e Engenharia, serão selecionados 100 para prestarem gratuitamente a prova da certificação – atualmente, a taxa é de R$ 400. “Para quem quer começar a trabalhar no mercado financeiro, a CPA-10 é um importante diferencial. Essa certificação é obrigatória aos profissionais que atuem na prospecção e na venda de produtos de investimento ao público, seja em agências bancárias ou em plataformas de atendimento”, conclui Robert.