Siemens lança o Siemens Xcelerator – uma plataforma de negócios digital aberta para acelerar a transformação digital
30 de junho de 2022
  • English

O Siemens Xcelerator é composto de um portfólio de hardware e software direcionado

A Siemens AG lançou uma plataforma de negócios digital aberta, o Siemens Xcelerator, para acelerar a transformação digital e a criação de valor para clientes de todos os tamanhos na indústria, edifícios, redes elétricas e mobilidade. A plataforma de negócios torna a transformação digital mais fácil, rápida e escalável. O Siemens Xcelerator inclui um portfólio de hardware, software e serviços digitais direcionados, habilitados para a internet das coisas (IoT) da Siemens e de terceiros certificados; um ecossistema de parceiros crescente, e um mercado em evolução para facilitar interações e transações entre clientes, parceiros e desenvolvedores.

Roland Busch, presidente e CEO da Siemens AG, disse: “O Siemens Xcelerator tornará mais fácil do que nunca para as empresas navegarem pela transformação digital – mais rápido e em escala. Ao combinar os mundos real e digital na tecnologia de operação e de informação, capacitamos clientes e parceiros a aumentar a produtividade, a competitividade e ampliar inovações.”

“Nosso portfólio principal é transformado em mais aplicativos abertos, com mais soluções como serviço e baseadas na nuvem e hardware habilitado para a IoT que pode ser constantemente atualizado. Ao mesmo tempo, a colaboração atingirá um novo patamar com um ecossistema crescente de parceiros.”

“O lançamento de hoje do Siemens Xcelerator, a aquisição nesta semana da Brightly Software e nossa parceria expandida com a NVIDIA são marcos importantes na implementação de nossa estratégia para acelerar crescimento de alto valor”, concluiu Busch.

Tornando a transformação digital mais fácil, mais rápida e em escala

A plataforma de negócios digital aberta cria valor para os participantes, facilitando as interações e promovendo a inovação entre vários stakeholders – clientes, parceiros, desenvolvedores etc., pois ninguém pode fazer isso sozinho. Com o lançamento do Siemens Xcelerator, a Siemens transformará, passo a passo, todo o seu portfólio de hardware e software para se tornar modular, conectado na nuvem e desenvolvido em interfaces de programação de aplicativos (APIs) padrão. Serão assegurados os mais elevados padrões e valor para todas as partes por meio de sólidos princípios de governança técnica e comercial. As ofertas da Siemens e de terceiros vão seguir princípios de projeto para interoperabilidade, flexibilidade, abertura e como um serviço.

Lançamento do novo SaaS – Building X 

A Siemens anunciou hoje a primeira nova oferta de SaaS (Software-as-a-service/ Software como serviço) como parte do Siemens Xcelerator. O Building X é uma nova suíte de aplicativos prediais inteligentes para criar uma única fonte de informações que elimina a complexidade da digitalização e ajuda os clientes a atingirem suas metas de emissões líquidas zero. É um conjunto de dados e análises de ponta a ponta que rompe silos de dados em domínios como gerenciamento de energia, segurança e manutenção predial. O Building X é uma suíte de software aberto, modular e totalmente baseado na nuvem, com aplicativos habilitados por IA, sólida conectividade e segurança cibernética incorporada.

Na segunda-feira, 27 de junho de 2022, a Siemens anunciou o acordo para comprar a Brightly Software, empresa líder em software de gerenciamento de ativos e manutenção com sede nos EUA. A aquisição adicionará recursos bem estabelecidos da Brightly em setores-chave de know-how digital e de software da Siemens sobre edifícios. A empresa será um elemento central do portfólio do Siemens Xcelerator for Buildings.

A Siemens também planeja integrar suas soluções de Internet Industrial das Coisas (IIoT) para a indústria, pois o Industrial Operations X, que reúne soluções e aplicativos desde sensores, Edge Computing, para a nuvem, IoT como serviço e recursos com baixo desenvolvimento de código, e também uma ampla variedade de aplicativos prontos para o uso. O produto permite a fusão de dados do mundo real da automação com o mundo digital da tecnologia da informação, enriquecido pelos conhecimentos e recursos abrangentes da Siemens para integração vertical entre a TI e a TO. A quebra de silos de dados ajudará as empresas a aumentarem seu desempenho, produtividade, flexibilidade e sustentabilidade.

Parceria anunciada com a NVIDIA para a nova era da tecnologia de gêmeos digitais imersivos

A Siemens se compromete a unir forças e desenvolver um forte ecossistema de parceiros, com base em parcerias estratégicas existentes, incluindo a Accenture, Atos, AWS, Bentley, Microsoft e SAP. A intenção é ampliar o ecossistema de parcerias com pequenas, médias e grandes empresas.

O primeiro grande acordo de parceria sob o manto do Siemens Xcelerator é com a NVIDIA. As duas empresas anunciaram hoje uma expansão de sua parceria para permitir o metaverso industrial e aumentar o uso da tecnologia de gêmeos digitais orientada por IA que ajudará a elevar a automação industrial a um novo patamar. Como primeiro passo nessa colaboração, as empresas planejam conectar o Siemens Xcelerator, uma plataforma de negócios digital aberta e o NVIDIA Omniverse, uma plataforma para projeto 3D e colaboração. Isso permitirá um metaverso industrial com modelos digitais baseados em física da Siemens e simulação em tempo real, fisicamente precisa e habilitada por IA da NVIDIA, onde as empresas tomam decisões com maior rapidez e maior confiança.

Confirmação da estratégia e metas de crescimento digital

O lançamento da plataforma Siemens Xcelerator é o próximo passo lógico na estratégia digital da Siemens. A Siemens será capaz de proporcionar valor significativo para clientes novos e existentes, especialmente os novos no segmento de pequenas e médias empresas.

Como parte do lançamento, a Siemens confirma suas metas de crescimento para negócios digitais anunciadas no Capital Market Day do ano passado, de uma taxa de crescimento anual composta de cerca de 10% ao longo do ciclo comercial. A receita digital no exercício fiscal de 2021 foi de 5,6 bilhões de euros. O lançamento da plataforma de negócios também é consistente com a mudança da empresa para ofertas como-um-serviço e reforçará o objetivo de aumentar a receita recorrente anual.

Roland Busch acrescentou: “Este é o próximo passo lógico na implementação de nossa estratégia de digitalização para permitir inovação e criação de valor ainda mais rápidas. O Siemens Xcelerator reúne o poder de nossa empresa focada em tecnologia, junto com um próspero ecossistema de parceiros de tecnologia. Estamos nos unindo para simplificar a transformação digital para que clientes de todos os tamanhos possam se beneficiar em termos de velocidade e escala.”

 
Twitter e-Mail Facebook Whatsapp Linkedin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.