Casa Fiat de Cultura lança minidocumentário sobre projeto de restauro de obras de Aleijadinho
13 de abril de 2022
  • English

A produção registra os cinco meses do minucioso trabalho de restauro de obras de Aleijadinho do séc. XVIII

Sant’Ana Mestra_obra de Aleijadinho restaurada pela Casa Fiat de Cultura_crédito Studio Cerri

Sucesso de público, o projeto “Aleijadinho, arte revelada: o legado de um restauro”, um presente dado aos brasileiros pela Casa Fiat de Cultura em celebração aos seus 15 anos, ganha um minidocumentário. A produção registra os cinco meses do minucioso trabalho de restauro de obras de Aleijadinho do séc. XVIII: Sant’Ana Mestra, da Capela de Sant’Ana, em Chapada de Ouro Preto/MG; São Joaquim, da Paróquia de Nossa Senhora da Conceição, em Raposos/MG; e São Manuel, da Paróquia de Nossa Senhora do Bonsucesso, em Caeté/MG. A iniciativa evidencia a importância da salvaguarda do patrimônio cultural para a arte, a história e o conhecimento das raízes da nossa identidade.

Desde a chegada das esculturas à Casa Fiat de Cultura, em outubro de 2021, foram dedicadas mais de 500 horas à restauração das obras, que pôde ser acompanhada por 170 mil pessoas, seja por meio de visitas presenciais ou pela programação virtual.  Cada etapa do projeto foi documentada e agora é compartilhada com o público em imagens inéditas. “Ao promovermos um processo de restauro fora   dos bastidores, demos a oportunidade de o público conhecer de perto e em tempo real como a recuperação e conservação de uma obra de arte acontece. Despertamos nas pessoas um olhar para o passado, mas apontando como o patrimônio cultural e artístico se conecta com o presente e o futuro”, revela Ana Vilela, gestora Cultural da Casa Fiat de Cultura.

O minidocumentário aborda os aspectos culturais, estéticos e históricos do processo de restauração das obras de Aleijadinho, destaca as descobertas com o uso de raio X e luz ultravioleta – como a franja sob a testa de Sant’Ana Mestra –, e relembra a emocionante devolução das peças às suas comunidades de origem. “Estou muito satisfeita com o resultado do trabalho que realizamos. Devolvemos às comunidades obras bem cuidadas, íntegras e mantendo as características de época. Deu certo e foi lindo”, completa a restauradora Rosangela Reis Costa, coordenadora do projeto de restauro na Casa Fiat de Cultura.

O minidocumentário “Aleijadinho, arte revelada: o legado de um restauro” pode ser visto no canal da Casa Fiat de Cultura no YouTube.

 
Twitter e-Mail Facebook Whatsapp Linkedin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.