Suzano se une ao hub Cubo Itaú
03 de maio de 2022
  • English

Companhia busca tecnologias para desenvolvimento de bioprodutos a partir do eucalipto

Maior produtora de celulose de mercado do mundo, a Suzano se associou ao Cubo Itaú, principal hub de fomento a startups na América Latina, com vistas a acelerar o desenvolvimento de novas tecnologias aplicadas das florestas às fábricas, ao mesmo tempo em que assegura o apoio do setor florestal ao empreendedorismo e à inovação no país. A notícia foi escrita pela repórter Stella Fontes, do jornal Valor Econômico.

De acordo com a matéria, ao se tornar parceira do Cubo Agro – que também ganhou o reforço da CNH Industrial no início do ano -, a Suzano busca, sobretudo, tecnologias para aprimoramento do eucalipto e melhoria operacional a partir do plantio da árvore até a linha de produção – mas não está limitada a essas áreas.

Para o gerente executivo de excelência operacional florestal da companhia, Paulo Mancinelli, hubs como o Cubo, que há seis meses lançou o Cubo Agro em parceria com Corteva, São Martinho e Itaú BBA, possibilitam a aproximação entre gigantes do setor e startups, com ganho de lado a lado. 

Com mais de 350 startups em seu ecossistema, o Cubo Itaú nasceu em 2015. Hoje, as maiores comunidades são as de empreendedores tecnológicos nas áreas de logística, saúde, finanças e educação. Mas a chegada ao agronegócio era óbvia, diz Pedro Prates, cofundador e líder do Cubo, dada sua relevância para a economia brasileira. “Já a tecnologia é um setor vasto para capital de risco. Ao juntar esses dois, o potencial é enorme”, avalia. 

Leia a matéria na íntegra aqui

 
Twitter e-Mail Facebook Whatsapp Linkedin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.