Santo Caos realiza estudo pioneiro sobre Terceirização
23 de outubro de 2019
  • English

A terceirização é uma tendência crescente no mundo todo, e no Brasil não é diferente. Existem diversos dados sobre diferenças salariais, rotatividade e até proporção de acidentes de trabalho de profissionais terceirizados em comparação aos ditos “colaboradores próprios” das empresas. No entanto, faltam pesquisas sobre o quanto a terceirização impacta as relações empregado-empregador, dentro das organizações. 

Por isso, a consultoria Santo Caos – associada da Aberje – realiza o primeiro estudo sobre Terceirização e Engajamento do Brasil. O objetivo da pesquisa é analisar os impactos da terceirização no engajamento dos profissionais e na cultura das empresas: como se relacionam com os demais profissionais, como veem e são vistos pelas empresas cedentes de serviços terceirizados e pelas contratantes desses serviços, como enxergam questões de liderança, comunicação e engajamento, entre outros temas centrais neste momento.

Segundo Guilherme Françolin, sócio-diretor da Santo Caos e líder do estudo, “Normalmente, o que acontece numa relação de trabalho terceirizada é que o empregado fica ‘órfão’. Não consegue se identificar nem com a empresa que o contratou diretamente, nem com a organização onde presta serviços . Nesse contexto, é preciso entender de quem é o papel de conscientizar, incluir e engajar esses profissionais, e isso impacta diretamente na felicidade e na produtividade dos profissionais”.

O estudo Terceirização e Engajamento será lançado em dezembro de 2019, e já conta com a participação de diversos especialistas em direito trabalhista, gestão de pessoas e cultura organizacional, além de profissionais terceirizados ou não. Para contribuir com o estudo, acesse: bit.ly/estudoterceirizacao e responda ao questionário, que ficará disponível no ar até 01/11/2019. Após o lançamento, a pesquisa poderá ser acessada no site da Santo Caos: www.santocaos.com.br.

 
Twitter e-Mail Facebook Whatsapp Linkedin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.