Estudo da Brunswick mostra que colaboradores querem ver os CEOs nas redes sociais
14 de julho de 2022
  • English

Estudo analisa o valor estratégico da Liderança Conectada para os negócios 

 

 

Quatro a cada cinco colaboradores esperam que os CEOs estejam presentes nas mídias sociais, sendo a liderança transparente e acessível um fator fundamental de recrutamento e retenção de talentos nas empresas. É o que indica o estudo Connected Leadership, que aponta ainda que 6 a cada 7 leitores de veículos de finanças entrevistados confiam mais em líderes empresariais que se comunicam de forma ativa nos meios digitais do que naqueles que não o fazem.

O estudo que analisa o valor estratégico da Liderança Conectada para os negócios aponta ainda que 82% dos entrevistados pesquisam sobre a presença online dos CEOs quando estão participando de um processo seletivo e que a transparência na comunicação por parte dos líderes é o quarto fator de retenção mais importante para os participantes, atrás apenas de benefícios, salário e colegas de trabalho, e à frente de cultura corporativa, valores da empresa, distância do local de trabalho e oportunidades de crescimento.

A Liderança Conectada complementa o trabalho de Relações com Investidores

Não é só entre colaboradores e o público geral que a Liderança Conectada se mostra fundamental. Entre os investidores, 4 a cada 5 afirmam que utilizam informações disponíveis em canais digitais na tomada de decisão sobre investimentos. Para esse público, é importante navegar em um cenário de transparência e segurança e, para isso, 99% dos entrevistados afirmam usar midias digitais para investigar possíveis conflitos relacionados aos negócios, enquanto 38% utilizam as redes sociais para saber o que está sendo dito pelos CEOs e 49% para se informar sobre declarações do board das empresas.

A Brunswick Group, consultoria de comunicação estratégica que completa 10 anos de atuação no Brasil em 2022, entrevistou mais de 6.400 funcionários de empresas e leitores de veículos de finanças em sete mercados. O estudo Connected Leadership 2022 completo pode ser lido neste link.

 
Twitter e-Mail Facebook Whatsapp Linkedin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.