Estabilidade de percentual de votos em São Paulo não “prova” fraude eleitoral
20 de novembro de 2020
  • English

Publicações compartilhadas milhares de vezes em redes sociais um dia após as eleições municipais afirmam que houve fraude na disputa pela Prefeitura de São Paulo, uma vez que os quatro primeiros candidatos mantiveram porcentagens de votos semelhantes em diferentes estágios de apuração das urnas. Mas esta afirmação é falsa. A estabilidade de percentuais significa apenas que houve homogeneidade nos votos em diferentes zonas eleitorais, como explicaram especialistas e o Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Leia aqui matéria completa feita pela Agência de Notícias AFP, parceira da Aberje

 

 
Twitter e-Mail Facebook Whatsapp Linkedin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.