Associados ganham bolsas Aberje para Curso de Negociações Internacionais da USP
30 de março de 2021
  • English

As bolsas fazem parte da parceria da Aberje com a InnSciD-SP

Fernanda Cabrini, da Avon; André Galli e Samuel Mack, da Ypê, todos associados à Aberje; e o professor Maurício Pontes, da Escola Aberje de Comunicação, foram contemplados com uma bolsa de estudos para o Curso de Negociações Internacionais. Participou também Victor Pereira, Relações Institucionais da Aberje. 

A oferta se deu graças à parceria da Aberje com a InnSciD SP- São Paulo Innovation and Science Diplomacy School, iniciativa do Instituto de Relações Internacionais (IRI-USP) e do Instituto de Estudos Avançados (IEA-USP) e está dentro dos programas de difusão do Museu Paulista e do Centro de Estudos de Negociações Internacionais (CAENI), ligados à Universidade de São Paulo. 

O curso aconteceu ao longo da semana de 22 a 26 de março, em diferentes níveis – capacitação, intermediário e avançado. A fim de fornecer capacitação técnica e treinamento para profissionais e estudantes que desenvolvam atividades relacionadas às negociações internacionais, as bolsas foram oferecidas aos grupos LiderCom e LiderCom Next, além dos Diretores de Capítulo e professores da Escola Aberje de Comunicação. 

Maurício Pontes, professor de Gestão de Crises da Escola Aberje e CEO da C5i Consultoria em Riscos e Crises, que participou de todos os níveis, comentou sobre o curso: “como gestor de crises, fui capacitado e experimentado em diversas negociações nas situações mais extremas. Mas esta semana me trouxe subsídios, técnicas e lógicas diferentes e complementares ao que já tive contato. Negociar é ciência e arte. É vital para tudo, agora mesmo todo o ecossistema negocia conosco e a nossa volta de alguma forma. Fomos desafiados e adestrados como num elegante jogo de xadrez e isso me instigou a buscar ainda mais técnicas, táticas e expressões dessa forma de entender o mundo. Um curso que captura o aluno, o vicia e lhe dá confiança pela forma como é ministrado. Um privilégio”.

Para Fernanda Cabrini, gerente de relações governamentais da Avon, que faz parte do grupo LiderCom Next e que há 12 anos atua na área de relações governamentais e institucionais de grandes empresas, o curso propicia aprimorar o conhecimento e a prática do exercício da diplomacia corporativa e nas relações com setor público. “Certamente, a comunicação tem um papel fundamental para guiar a melhor estratégia a ser adotada em cada novo desafio e pautar a melhor condução para cada tipo de desafio e interlocutor”.

 
Twitter e-Mail Facebook Whatsapp Linkedin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.