As terapias em estudo pela UE contra o coronavírus não substituirão as vacinas
15 de outubro de 2021
  • English

Publicações visualizadas mais de 23 mil vezes nas redes sociais desde pelo menos 7 de outubro garantem que “a União Europeia substituirá vacinas por ivermectina” porque o bloco aprovou “cinco terapias” para tratar a covid-19 que estarão disponíveis a partir de outubro. O texto também afirma que o Instituto Pasteur francês “reconheceu cientificamente” a ivermectina como uma droga contra o vírus. Mas nada disso é verdade: a comissão e o parlamento europeus negaram à AFP que a vacinação será suspensa, e o Instituto Pasteur tampouco reconheceu a ivermectina como um tratamento eficaz contra a covid-19.

Leia aqui matéria completa feita pela Agência de Notícias AFP, parceira da Aberje

 

 
Twitter e-Mail Facebook Whatsapp Linkedin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.