Aberje e Gerdau anunciam os vencedores do Prêmio Universitário Aberje 2020 publicado em: 16/09/2020

Pela primeira vez, a competição foi 100% online e contou com um número recorde de inscritos de mais de 550 universitários de todo o Brasil

A Aberje – Associação Brasileira de Comunicação Empresarial, juntamente com a empresa Gerdau, anunciou na manhã do dia 16 de setembro os vencedores da 13ª edição do Prêmio Universitário Aberje (PUA), em transmissão ao vivo no canal da entidade no Youtube. Após uma difícil decisão, diante do alto nível dos projetos apresentados pelos seis grupos finalistas, a comissão julgadora decidiu que o primeiro lugar fica com o grupo de alunos da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Guilherme Rolin, Bruno Petinelli, Mariana Fraga Dias e Renata Rodeghiero. Os seis grupos finalistas foram escolhidos a partir de um total de 186 grupos inscritos, totalizando 559 universitários de todo o Brasil – recorde de todas as edições do PUA –, que participaram de workshop de inovação no dia anterior.

O segundo lugar ficou com alunos de Relações Públicas da USP, Antônio Marcos Lepri Morandin e Davi Custódio dos Santos Souto; já o terceiro lugar ficou com alunos de Relações Públicas na Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS) e da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Eduardo Avila Dalbem, Natália Paszinski de Almeida e Natália Pagliarin Appel. Cada grupo vencedor recebe R$ 10 mil, R$ 5 mil e R$ 3 mil, respectivamente. Os projetos estarão disponibilizados no site do PUA e nas redes sociais da Aberje.

Nesta edição, os participantes tiveram como desafio “A Gerdau é a maior recicladora de aço da América Latina. Como comunicar a importância dessa informação para a população?”. A equipe gaúcha conquistou o prêmio com o projeto “Futuros de Aço”. A iniciativa sugeriu o desenvolvimento de uma campanha que apresenta como fio condutor a possibilidade de transformar o futuro por meio do aço.

Os seis grupos finalistas mostraram que é possível disseminar a importância da reciclagem do aço por meio de ações educacionais, sociais, metodologias diferenciadas, experiências sensoriais, parcerias com órgãos públicos, webséries, reciclômetro do aço, criação de app, eventos com artistas, promoção de cursos de especialização para professores, atividades educativas para crianças, cidade virtual, museu do aço, exposição itinerante, mapeamento da reciclagem no país, galeria virtual de esculturas em aço, mensagens out of home, comerciais de TV, entre diversas outras ideias inovadoras. 

“Foi uma jornada bastante surpreendente. Fiquei impactado com a qualidade e a criatividade dos alunos. Todos os participantes estão de parabéns! Possibilitar esse tipo de processo de construção colaborativa é muito rico e contribui com a construção de uma sociedade cada vez mais sustentável”, comentou Pedro Torres, head de Comunicação Corporativa da Gerdau.

Os trabalhos foram julgados por uma comissão constituída por profissionais experientes do mercado: Ana Paula Camargo, especialista de Comunicação da Gerdau; André Luis de Oliveira Guardin, gerente Comercial Regional Centro da Gerdau; Bruna Justo Rigobello, analista de Comunicação da Gerdau; Carlos Eduardo Vieira, diretor de Metálicos e Florestal da Gerdau; Cenira Nunes, gerente de Meio Ambiente da Gerdau, Paulo Boneff, gerente de Responsabilidade Social da Gerdau; Rafael Eduardo Ishiyama, coordenador de Planejamento e Marketing da Gerdau; Renan Braga Machado, gerente Comercial Regional Sul da Gerdau; Clarissa Daroit, gerente de RH América do Sul da AGCO; Elisa Prado, diretora de Comunicação Corporativa da Vivo; Pâmela Vaiano, diretora sênior de Comunicação da 99; Priscilla Staell, head de Comunicação Externa da Philip Morris Brasil e Ricardo Castellani, coordenador de Comunicação e RP na Novo Nordisk Brasil.

Já na fase anterior, os seis grupos finalistas foram selecionados pela comissão de jurados composta por: Patricia Cardoso (AngloAmerican); Karina Howlett (Engie); Otacílio do Nascimento (Toyota), Debora Nassif (Unimed/Rio), Gisele Piernikarz (Tirolez); Renata Nascimento (Scania); Tamara Natale (International Paper); Adriana Caram Borlido (MRV); Cesar Antonio Rodrigues Rua (Telefônica); e Greyke Gabriel Oliveira (CTGBR).

Por conta da pandemia da Covid-19, as quatro etapas da competição foram realizadas de forma totalmente digital pela primeira vez. O novo formato possibilitou que alunos de todas regiões do País participassem sem se preocupar com o deslocamento e custos adicionais. No final, os participantes tiveram a oportunidade de contar como foi competir à distância.

Vencedores do PUA 2020

LUGAR – Grupo 1 

Guilherme Rolin, Bruno Petinelli, Mariana Fraga Dias e Renata Rodeghiero Relações Públicas na Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)

Renata Rodeghiero, Guilherme Rolin, Bruno Petinelli e Mariana Fraga Dias

Participar do PUA é sempre desafiador. É uma oportunidade única de estarmos em contato com empresas relevantes que nos oferecem desafios reais como foi este da Gerdau. Nós já ganhamos a 10º edição da Bayer, aprendemos e evoluímos para criarmos uma ação sólida que fizesse sentido com o propósito da patrocinadora. Todo o aprendizado que tivemos participando de edições anteriores do PUA foram importantes para nosso crescimento profissional e validação de tudo que já aprendemos na faculdade. Valeu cada segundo!Guilherme Rolin

Cada edição do Prêmio Universitário Aberje é única e isso é o que mais nos motivou a participar de novo. Dessa vez, em um cenário social completamente diferente, foi ainda mais desafiador. Me brilha os olhos olhar pra nossa trajetória toda e ver a evolução na forma em que pensamos comunicação estratégica. É um orgulho muito grande e um sentimento de que estamos no caminho que escolhemos amar. Ficamos muito felizes! Obrigada pela oportunidade!Renata Rodeghiero

Participar do PUA é sempre uma troca muito gratificante, uma experiência de imersão e muito aprendizado. Tivemos a oportunidade de participar de mais uma edição, dessa vez com o desafio de criar soluções inovadoras e sólidas para a Gerdau. Para além do desafio da entrega em si, o PUA nos proporciona aplicar de forma criativa os conhecimentos que adquirimos ao longo da nossa jornada. Eu nem acredito! Valeu cada momento!Mariana Fraga Dias

O que mais me encanta em participar do PUA é perceber o aprendizado que o desafio nos proporciona quanto profissionais em formação. Tivemos a oportunidade de participar de mais de uma edição e no desafio da Gerdau fica evidente nosso crescimento e a importância do prêmio para abertura de portas e troca com profissionais e alunos de comunicação que serão o futuro do mercado.” Bruno Petinelli

Vocês incentivam de forma única essa geração de estudantes e marcam de forma qualitativa a trajetória desses universitários que tanto nos orgulham. Muito obrigada pela oportunidade. Feliz demais!!!” Denise Avancini Alves, professora orientadora

LUGAR – Grupo 23

Antônio Marcos Lepri Morandin e Davi Custódio dos Santos SoutoRelações Públicas na Universidade de São Paulo (USP)

Antônio Marcos Lepri Morandin e Davi Custódio dos Santos Souto

“Participar do PUA foi uma oportunidade incrível! Eu e o Davi já conversávamos sobre participar de algum desses desafios universitários há algum tempo. A sensação de ver nosso projeto em segundo lugar só pode ser a melhor possível: muita alegria, realização e gratidão por essa jornada! Agradeço a Aberje pela oportunidade e espero que cada vez mais alunos de todo o Brasil possam participar dessa iniciativa!” Antônio Marcos Lepri Morandin

“Foi a minha primeira participação no PUA e a experiência foi muito enriquecedora. Nos inscrevemos sem muita expectativa, não sabendo se daríamos conta devido às agendas cheias, mas conseguimos organizar um tempo para pensarmos juntos e construirmos essa apresentação. O processo foi muito positivo e o resultado gratificante. Muito obrigado a Aberje e a Gerdau!” Davi Custódio dos Santos Souto

LUGAR – Grupo 15

Eduardo Avila Dalbem, Natália Paszinski de Almeida – Relações Públicas na Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS) e Natália Pagliarin Appel – Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)

Natália Paszinski, Natália Appel e Eduardo Avila Dalbem,

“Ficamos muito honrados por participar do PUA 2020, tão reconhecido no meio acadêmico da comunicação proposto por uma instituição de excelência como a Aberje. Alegria imensa em chegar tão longe logo no primeiro ano de participação e no meio de tantas ideias boas de todo o Brasil. Foi uma experiência intensa e muito rica! Estamos satisfeitos por mostrar um pouco daquilo que acreditamos ser uma comunicação transformadora, humana e consistente par uma empresa renomeada como a Gerdau.Eduardo Avila Dalbem

“Estou muito feliz com a oportunidade de mostrar um pouquinho de tudo que a gente vem discutindo e debatendo no meio acadêmico. Com certeza, a nossa primeira participação do PUA será memorável! Conseguimos sentir de longe (literalmente) todo o carinho que vocês têm na organização, estruturação e condução da Premiação. Estamos contentes por apresentarmos um plano de comunicação integrado consistente para o desafio proposto. Espero que possamos ter esse relacionamento próximo com a Aberje constantemente, e depois de formados.” Natália Paszinski

“Quero compartilhar minha grande felicidade de ter participado do 13° PUA e conquistado o terceiro lugar. Foi minha primeira participação na premiação e dividir um lugar no pódio com grupos experientes foi de grande orgulho para mim. O fato de o Prêmio proporcionar materiais e desafios tão ricos de possibilidades dentro da comunicação só agrega ao nosso aprendizado, saio da grande final mais inspirada e motivada que nunca e se tudo der certo, pronta para mais um desafio na próxima edição!” Natália Appel

Assista às apresentações dos grupos vencedores:

 

 

 

Twitter e-Mail Facebook Whatsapp Linkedin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *