LLYC adquire a mexicana BESO para reforçar seus serviços de Deep Digital Business e Criatividade
23 de setembro de 2021
  • English

● Com esta operação a firma triplica seu tamanho no país e se converte na maior consultora de comunicação do México.
● As receitas da LLYC México alcançarão este ano 19 milhões de euros com uma equipe de cerca de 250 personas.
● Os dois sócios da BESO se manterão a frente do negócio.

 

A LLYC dá um passo mais em sua estratégia de crescimento com a aquisição de 75% da agência mexicana BESO por 7,2 milhões de euros. O preço inicial se poderá ver ajustado sobre a base da evolução dos resultados de 2021 a 2024. Com esta operação, a consultora de comunicação e assuntos públicos triplica seu tamanho no país, lidera o mercado e reforça sua aposta pela área de Deep Digital Business onde convergem seus serviços de data analytics, deep learning, influência e marketing online para contribuir à transformação e ao crescimento do negócio de empresas que querem aproveitar todas as vantagens da nova disrupção digital.

A BESO é uma agência criativa data-predictive, o bem-sucedido projeto de seus dois sócios fundadores, José Beker e Federico Isuani, que seguirão tendo participação e estarão à frente do negócio da empresa. Se incorporarão à equipe DDB global da LLYC que lidera Adolfo Corujo, Sócio e Chief Strategy & Innovation Officer, e participarão em distintas instâncias da estrutura e funcionamento de Américas.

A BESO está considerada como uma das firmas independentes mais importantes do continente americano. Foi reconhecida como a mais eficiente de seu país e a número quatorze a nível mundial, de acordo com o Ranking EFFIE Index 2020. Tem uma equipe de 160 colaboradores.

A soma da LLYC e da Beso cria um gigante da comunicação nesse mercado com receitas totais de 19 milhões de euros (12 milhões de receitas por honorários), um quadro de mais de 250 profissionais e um portfólio de soluções e serviços que oferecem estratégia e criatividade baseados em tecnologias exponenciais para comunicação, marketing e assuntos públicos de seus clientes.

Complementariedade
A BESO e a LLYC somam duas aproximações complementárias a uma visão estratégica, tecnológica e criativa do negócio. As capacidades da BESO ampliam a proposta de valor da LLYC permitindo oferecer a seus clientes criatividade e capacidade de execução baseadas em ferramentas e técnicas de inteligência artificial. No contexto atual, a conexão emocional entre as marcas e as personas que lhes importam é mais relevante que nunca. A chave para encontrar o que funciona encontra-se na explotação inteligente da tecnologia e dos dados.

Para José Antonio Llorente, Sócio Fundador e Presidente da LLYC: “A aquisição da BESO supõe um passo decisivo em nossa estratégia de crescimento, na aposta que fazemos na LLYC pensando em nossos clientes: criatividade, tecnologia e inovação. A BESO nos fornece valor agregado e leva nosso mesmo ADN empreendedor.”

“Esta operação nos permite dar um salto qualitativo fundamental para ampliar os serviços de Deep Digital Business da LLYC. Com sua experiência em criatividade data-predictive e suas capacidades na definição e execução desde os Digital Command Centers que se instalam para marcas de primeiro nível, complementam nossa proposta de acompanhamento na viagem digital de todos nossos clientes”, assegura Adolfo Corujo, Sócio e Chief Strategy & Innovation Officer,

Plano de crescimento
A aquisição da BESO se enquadra no ambicioso projeto de crescimento da LLYC, com o qual a empresa pretende duplicar seu tamanho em cinco anos. Com este objetivo, a consultora iniciou um plano seletivo de compras de empresas que operam em áreas chave (criatividade, inovação, tecnologia) ou mercados estratégicos (Espanha, México ou Brasil).

A da BESO é a terceira compra neste ano de 2021. As anteriores foram a consultora de marketing digital APACHE e a agência de publicidade CHINA. Nos últimos cinco exercícios, a firma completou a integração de Impossible Tellers (Espanha, 2015), S/A Comunicação (Brasil, 2015), EDF (EUA, 2015), Arenalia, Diplolicy (Espanha, 2018), Factor C (Chile, 2020).

 
Twitter e-Mail Facebook Whatsapp Linkedin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.