Gerdau inicia academia de líderes com nova cultura de aprendizagem e foco no futuro
25 de junho de 2021
  • English

Programa SIGA traz trilha de capacitação customizada para os dois mil líderes participantes e inclui aulas práticas e teóricas, além de grupos de discussão

A Gerdau, maior empresa brasileira produtora de aço e uma das principais fornecedoras de aços longos nas Américas e de aços especiais no mundo, anuncia sua nova academia de desenvolvimento de líderes, o SIGA. Destinado tanto a lideranças técnicas quanto de pessoas, o programa se inicia com dois mil colaboradores e tem como foco prepará-los para atuar com alta performance em um ambiente cada vez mais tecnológico e inclusivo.  Em linha com o objetivo da Gerdau de empoderar pessoas que constroem o futuro, o programa representa uma nova cultura de aprendizagem na empresa.

 “O aprendizado sempre aconteceu muito ‘on the job’, na prática, mas identificamos que havia algumas lacunas de estratégia nas lideranças. Assim, criamos um programa estruturado 100% a partir da observação de questões do dia a dia”, afirma Ana Cláudia Brant, Líder de Pessoas Áreas de Apoio e Corporativas. “A prática continua sendo a maior parte do programa, mas trouxemos teoria e discussões em grupo para consolidar o conhecimento e ajudar a fundamentar a tomada de decisões”, conta.

 Cada líder é protagonista de seu aprendizado e tem autonomia para trilhar seu caminho nos estudos. Em um mundo em constante transformação, a ideia é oferecer diferentes possibilidades – webinars, podcasts, jogos, comunidades de práticas, relatos de experiência, mentoring, projetos – para que o líder aprenda, desaprenda e reaprenda. Há oportunidades reais de conexão com pares, além de incentivo permanente ao diálogo e a criação de um ambiente em que as ideias fluam livremente.

 A academia tem estrutura única no Brasil. Os temas Core, mandatórios, são comuns a todos e estão conectados à cultura e ao modelo de gestão. Os temas Cross envolvem questões comportamentais e de liderança, e devem ser priorizados. Os temas do Centro de Conteúdo têm foco nas necessidades do negócio e no desenvolvimento individual e são opcionais, seguindo a trajetória de cada líder. Assim, o programa está estruturado para alcançar uma inteligência coletiva, que resulta da soma das diferentes competências do time. Metas, gestão de tempo, comunicação, feedback, diversidade e atendimento ao cliente são alguns dos tópicos abordados.

 “Sabemos que ferramentas se tornam obsoletas, mas o aprendizado de novas mentalidades e habilidades permanece. Por isso, a arquitetura de aprendizagem do SIGA visa desenvolver em nossos colaboradores novas habilidades, mentalidade voltada para performance e aplicação de ferramentas de tomada de decisão. O resultado é um time de líderes engajados com o seu desenvolvimento e o desenvolvimento de todos. E que, mais que liderar, inspiram”, finaliza Raquel Cardoso, Líder de Pessoas e Facilities da Gerdau Aços Brasil.

 
Twitter e-Mail Facebook Whatsapp Linkedin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.