Apresentação da pesquisa A História e a Memória Empresarial nas Organizações no Brasil

< Voltar
Thumbnail_Memo-02

Evento Online

  • Sobre
  • Programação
  • Palestrantes

Sobre

A Aberje, em parceria com a Memória da Eletricidade, promoveu a maior pesquisa já vista sobre Memória Institucional e trará convidados especiais para apresentar e discutir seus principais tópicos. Neste encontro, vamos debater temas como os perfis das empresas que desenvolvem programas, a preservação da identidade corporativa, envolvimento da alta gestão e o acesso aos acervos.

 

Programação

16:00

Abertura

  • Hamilton dos Santos

    Diretor-geral da Aberje

16:10

Apresentação da pesquisa

  • Carlos Ramello

    Consultor da Aberje

16:30

Debate

  • Paulo Nassar

    Diretor-presidente da Aberje e Professor Titular da ECA-USP

  • Augusto Rodrigues

    Presidente da Memória da Eletricidade

  • Maria Ignez Mantovani Franco

    Diretora da EXPOMUS

  • Juliana Lopes

    Diretora de Sustentabilidade, Comunicação e Compliance da AMAGGI

  • Ana Paula Goulart

    Professora da ECO-UFRJ e consultora da Memória da Eletricidade

Palestrantes

  • Augusto Rodrigues

    Presidente da Memória da Eletricidade

    Sociólogo formado pela Universidade de São Paulo (USP), é mestre em Ciência Política pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Em sua carreira, liderou três Diretorias da CPFL Energia e foi responsável pela criação do Espaço Cultural CPFL, hoje Instituto CPFL. Nos anos de 2003, 2007, 2009 e 2012 foi reconhecido com o Prêmio Personalidade do Ano em Comunicação pela Associação Brasileira de Comunicação Empresarial (Aberje). É membro do Conselho Curador da Fundação Padre Anchieta, órgão de direção da TV Cultura e da Rádio Cultura, emissoras públicas do Estado de São Paulo. Desde agosto de 2017 é presidente da Memória da Eletricidade.

  • PAULO NASSAR

    Diretor-presidente da Aberje e professor titular da ECA-USP

    Diretor-presidente da Associação Brasileira de Comunicação Empresarial (Aberje); professor titular da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP); doutor e mestre pela ECA-USP. É coordenador do Grupo de Estudos de Novas Narrativas (GENN), da ECA-USP; pesquisador orientador de mestrado e doutorado (PPGCOM ECA-USP); pesquisador da British Academy (University of Liverpool) – 2016-2017. Entre outras premiações, recebeu o Atlas Award, concedido pela Public Relations Society of America (PRSA, Estados Unidos), por contribuições às práticas de relações públicas, e o prêmio Comunicador do Ano (Trajetória de Vida), concedido pela FundaCom (Espanha). É coautor dos livros: Communicating Causes: Strategic Public Relations for the Non-profit Sector (Routledge, Reino Unido, 2018); The Handbook of Financial Communication and Investor Relation (Wiley-Blackwell, Nova Jersey, 2018); O que É Comunicação Empresarial (Brasiliense, 1995); e Narrativas Mediáticas e Comunicação – Construção da Memória como Processo de Identidade Organizacional (Coimbra University Press, Portugal, 2018).

  • Maria Ignez Mantovani Franco

    Diretora da EXPOMUS

    Doutora em Museologia pela Universidade Lusófona (Lisboa). Diretora da EXPOMUS, empresa de assessoria museológica que realiza exposições nacionais e internacionais de arte e cultura; desenvolve projetos de planejamento, criação e requalificação de museus e atua na área de gestão de coleções. Presidente do ICOM Brasil entre 2012 e 2018. Membro do Conselho de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo e do Grupo de Facilitadores do Fórum Brasileiro pelos Direitos Culturais.

  • Ana Paula Goulart (mediadora)

    Professora da ECO-UFRJ e consultora da Memória da Eletricidade

    É jornalista e historiadora pela UFF, doutora e mestre em Comunicação pela UFRJ e pós-doutora em História Contemporânea pela Universidade de Grenoble. É professora da Escola de Comunicação da UFRJ, onde já coordenou o curso de jornalismo e o Programa de Pós-graduação em Comunicação e Cultura. Possui ampla experiência com memória empresarial e institucional. Coordenou por 18 anos o Memória Globo, área da TV Globo responsável pela história da empresa e de seus produtos. Coordenou também o Acervo Roberto Marinho e o Globo Universidade. Foi coordenadora ainda do Memória do Movimento Estudantil, projeto realizado pela Fundação Roberto Marinho. Como diretora de Comunicação e Memória da Sociedade Brasileira de Estudos Interdisciplinares da Comunicação, coordenou o Memória Intercom. Faz parte da diretoria da Associação Brasileira de Memória Empresarial e é membro fundadora da Rememora (Rede Brasileira de Pesquisadores em Memória e Comunicação). Coordena o grupo de pesquisa Mídia Memória e Temporalidades, que desenvolve, entre outros, o projeto Memória do Jornalismo Brasileiro. É integrante da rede franco-brasileira PIMI (Patrimoines, Images, Médias, Identités) e do IMNN (International Media and Nostalgia Network). Foi responsável pela redação do livro Jornal Nacional: a notícia faz história, é autora do livro Imprensa e História no Rio de Janeiro dos anos 50 e coautora de diversas obras como História da Televisão no Brasil, Mídia e Memória, Comunicação e História, entre outras.

  • Juliana Lopes

    Diretora de Sustentabilidade, Comunicação e Compliance da AMAGGI

    Natural do Rio de Janeiro (RJ), Juliana de Lavor Lopes atualmente responde pela Diretoria de Sustentabilidade, Comunicação e Compliance da AMAGGI. Também é a executiva da Fundação André e Lucia Maggi, instituição responsável pelo Investimento Social Privado da companhia. Juliana ingressou na AMAGGI em janeiro de 2006, no cargo de Coordenadora de Desenvolvimento Social. Em 2009, foi promovida para o cargo de Gerência. Em 2013, assumiu a recém-criada Diretoria de Sustentabilidade da AMAGGI, uma prova do compromisso da companhia com o desenvolvimento sustentável e também da confiança no trabalho realizado por Juliana. Em 2016 passou a responder também pela área de Comunicação Corporativa da AMAGGI. No final de 2017, assumiu também a recém-criada Diretoria de Compliance. Juliana Lopes possui formação em Relações Internacionais pela Universidade Estácio de Sá, MBE (Master Business Economics) em Responsabilidade Social e Terceiro Setor pela UFRJ, MBA em Comunicação Corporativa pela UNESA/RJ, extensão em Liderança da Sustentabilidade pela Universidade de Berkeley, na Califórnia, e extensão em Liderança e Aprendizagem para Sustentabilidade, pela Society for Organizational Learning, fundada por Peter Senge. Sua equipe foi responsável por algumas das mais importantes conquistas da companhia, como a certificação da Round Table on Responsible Soy (RTRS), organização da qual hoje é Vice-presidente, e o reconhecimento do Forest Footprint Disclosure (FFD). Juliana também representou a AMAGGI em todo o processo de elaboração dos Princípios Empresariais para Alimentos e Agricultura no Pacto Global da ONU e atualmente é coordenadora do Grupo de Trabalho de Alimentos e Agricultura na Rede Brasileira do Pacto Global.

  • Carlos Ramello

    Consultor da Aberje

    Administrador, com especialização em gestão empresarial e gestão de pessoas. Consultor responsável pelo Núcleo de Pesquisa da Aberje. Como consultor de empresas desenvolve estratégias e programas de gestão de pessoas e de planejamento e desenvolvimento organizacional.