×

Ação Integrada lança resultados de pesquisa sobre comunicação interna sob o olhar da média liderança

Rede Aberje

O que pensam? De que informações se alimentam? E como se comunicam? Descubra as principais percepções de gerentes de área, coordenadores e supervisores sobre a comunicação interna de suas empresas.

Estudos apontam que as estratégias empresariais são bem-sucedidas quando os líderes são envolvidos previamente e conseguem criar um fluxo de comunicação ágil e claro com os seus colaboradores para atingirem os resultados esperados.

Na Pesquisas de Tendências em Comunicação Interna, realizada em 2018, é destaque o desejo das áreas de Comunicação apoiarem as médias lideranças a serem os principais interlocutores e porta-vozes da empresa junto aos colaboradores. Mas qual é a percepção desse público diante dos processos de comunicação interna das suas empresas?

A 2ª Pesquisa Nacional de Comunicação com a Média Liderança, realizada pela Ação Integrada, agência associada da Aberje, analisa a visão dos entrevistados sobre sua importância em relação a comunicação com os colaboradores, os principais canais de informação, a frequência e relevância ideal dos comunicados, entre outras questões.

Foram entrevistados mais de 1200 coordenadores, supervisores e gerentes de empresas de diversos portes e segmentos do Brasil. É possível conferir aqui alguns principais achados.  Com a palavra, a média liderança:

Importância e atuação como interlocutores

  • 71% da média liderança atribui a si mesma o papel de principal fonte de informação na empresa.
  • Nas respostas espontâneas (perguntas abertas), 58% dos participantes disseram que o seu papel no processo de comunicação da empresa é ser multiplicador.
  • 87% afirma que as informações compartilhadas por eles são as mais lembradas por seus colaboradores.
  • 65% dos entrevistados apontam a confiança como a principal característica que a sua empresa valoriza na relação gestor-colaborador, seguida de resultado (56%) e respeito (55%). 

Principais canais de comunicação

  • O principal canal de comunicação com esse líder é o e-mail. 96% diz ler sempre ou na maioria das vezes os e-mails que recebem, seguido por mural (69%), intranet (61%) e aplicativo (53%).
  • 45% preferem o e-mail para receber informações que precisam ser desdobradas para sua equipe, contra 20%, que preferem que venham pelo superior imediato.

Qualidade e frequência das informações que recebem

  • 85% dos pesquisados acreditam que as informações são relevantes e úteis ao seu trabalho do dia a dia e 75% consideram o volume recebido adequado.
  • 75% considera que estão claras quais informações precisam ser repassadas para a equipe.
  • 45% considera que a frequência ideal para receber as informações que devem ser desdobradas à sua equipe é semanal e 44% prefere recebê-las diariamente.
  • O que mais prejudica o desdobramento para a equipe é a informação chegar em cima da hora (56%), sendo também citada nas respostas espontâneas como a principal sugestão de melhoria (47%) no processo de comunicação da empresa com os colaboradores.

Mesmo com tanta tecnologia e inovação surgindo a cada instante, acreditamos que o principal fator para a transformação das pessoas continua sendo a interação humana. Sendo assim, os médios líderes precisam ser apoiados com informação acessível, com antecedência, clareza e processo adequado e padronizado para exercerem o seu papel de líder comunicador nas organizações.