Existem algumas boas práticas que se deve seguir na hora de produzir um conteúdo de marca. Para despertar o interesse da audiência, siga estes passos.

NECESSIDADE

Do que sua empresa precisa? Que objetivo pretende atingir. Antes de encomendar reportagens, por exemplo, é preciso saber onde se quer chegar com elas.

LEGITIMIDADE
Sua marca pode falar com propriedade do assunto que abordar? Uma marca de surf, por exemplo, pode falar de praia. Mas uma empresa de motocicletas não deveria se aventurar no futebol.

TRANSPARÊNCIA

Nunca tente esconder que seu conteúdo é de marca. Isso gera desconfiança nos consumidores e na sociedade. Sempre deixe muito claro que é o responsável pelo material.

FOCO NO ASSUNTO

Conteúdo de marca é construído em cima do que já existe no mundo. Ou seja, pessoas, histórias e assuntos que estão no dia a dia. A missão da marca é ser um canal de descoberta para os leitores, dentro do seu universo de domínio. Por isso, é muito importante ter claro como será a linha editorial do seu branded content a todo momento. A Red Bull, por exemplo, tem um foco claro nos esportes radicais e investe em produzir vídeos nos quais seus atletas patrocinados exibem as habilidades pelas quais são conhecidos.

ESTEJA ABERTO

Temos hoje diversas plataformas para confeccionar conteúdos interessantes. Pense para além do formato impresso ou televisivo. A melhor maneira de chegar ao seu público talvez seja uma transmissão ao vivo pelo Facebook. Mantenha-se aberto para todas as opções e escolha aquela que melhor transmitirá os valores da empresa.

Caio Caprioli, do Estúdio Globo, dá um exemplo: “Em Caminhos Para O Futuro (caminhosparaofuturo.com), tivemos o desafio de contar como a marca ajudou a transformar o Rio de Janeiro durante os Jogos Rio 2016, em um período tão delicado para o País e para a cidade, onde tudo o que era produzido era duramente criticado, sem que a informação fosse sequer captada. A GE, então, foi tocar lá no emocional das pessoas, realizando um bate-papo ao vivo pelo Facebook da revista Galileu, em parceria com a TV Cultura, com a dupla Tíbio e Perônio, cientistas da série Castelo Rá-Tim-Bum!, dos anos 1990. O resultado foi instantâneo: mais de 500 mil pessoas impactadas organicamente pelo Facebook de Galileu, com uma incrível discussão durante toda a transmissão sobre a tecnologia nos Jogos e o legado que ficaria para a cidade, sem nenhum comentário negativo para a marca.

AUDIÊNCIA É O PRINCIPAL

Resista à tentação de colocar a marca no centro das atenções. O principal é gerar engajamento da audiência, então nunca perca isso de vista. Você sempre deve se perguntar se o que está produzindo é realmente de interesse do público que quer atingir.

QUALIDADE É PRIORIDADE

Invista na qualidade, sempre. Publique matérias, vídeos, snaps, que tenham profundidade e abordem os assuntos de maneira completa e honesta. Não faça promessas, ofereça algo a quem está disposto a te ouvir. Edward Pimenta, do Estúdio ABC, afirma que qualidade é prioridade: “O conteúdo feito para as marcas deve ter necessariamente o mesmo registro de qualidade e relevância (inclusive na forma) de todo o conteúdo editorial. Nós estabelecemos um novo padrão de branded content nas nossas plataformas, de modo que seja mais orgânico, menos interruptivo e que entregue um real valor à audiência”.