REGULAMENTO

Prêmio ABERJE 2007 traz novidades

Na sua 33ª. edição, em 2007, o Prêmio ABERJE avança e introduz mudanças substanciais e importantes, que refletem a perspectiva e a visão estratégica que a comunicação organizacional deve ter.

São três as novidades introduzidas com o objetivo de reforçar e valorizar o trabalho inteligente, criativo e estratégico da comunicação das empresas:

1. As Categorias deixaram de ser 23 e passam a 14;
2. Três novas Categorias foram criadas: Comunicação e Relacionamento com Fornecedores; Comunicação nas Crises Empresariais; Relacionamento e Comunicação com Entidades Governamentais e não-Governamentais;
3. As regiões brasileiras foram compactadas. Passaram de 6 para 4 regiões.

Entenda as razões

1. O novo modelo reúne as peças concorrentes, subordinadas à visão estratégica da comunicação empresarial, em 14 Categorias, concentrando-as em três grandes famílias:
- Audiovisual
- Digital
- Impressa

2. Como reflexo da preocupação e da necessidade de valorização da ênfase no relacionamento e na comunicação com os públicos estratégicos foram criadas três novas categorias:

• Comunicação e Relacionamento com Fornecedores
Parceiros do negócio, fornecedores na cadeia produtiva, revendedores, dealers, terceiros de qualquer natureza, franqueados, networking, marketing, enfim, todos aqueles que participam do mesmo ecossistema de negócios. Sócios ocultos, mas indispensáveis. Um stakeholder quase sempre esquecido. No entanto, seu desempenho é vital para os negócios da empresa que os contrata e têm importância estratégica.

• Comunicação nas Crises Empresariais
Crises podem produzir danos monumentais em que todos perdem: os consumidores, os funcionários da empresa, os acionistas, os fornecedores. Perdem os governos ao não arrecadar impostos. Perde o mercado, a sociedade, como um todo. A Comunicação é peça fundamental na administração de uma crise empresarial. A ABERJE, por meio do Prêmio, quer estimular que experiências bem sucedidas venham ao conhecimento público.

• Relacionamento e Comunicação com Entidades Governamentais e Não-Governamentais
A inclusão dessa categoria se alinha ao esforço da ABERJE de agendar a discussão sobre a importância da ética e da transparência nas articulações com as entidades governamentais e não-governamentais para a democracia e para os interesses da sociedade, por meio da comunicação e do relacionamento legítimo das empresas com o Governo no sentido amplo, em seus três Poderes - Executivo, Legislativo e Judiciário - e instâncias - Federal, Estadual, e Municipal e com sindicatos, associações de classe, ONGs de diferentes naturezas.

3. As regiões brasileiras foram compactadas. De 6 passaram a ser 4, pela proximidade geográfica das Unidades da Federação, pelas semelhanças de perfil das empresas que atuam nos respectivos mercados.

São essas as principais novidades que, além de fortalecer a comunicação estratégica, incrementarão a qualidade dos processos do Prêmio.

Agora, mãos à obra. Contamos com o mesmo entusiasmo e empenho dos participantes que animaram as edições anteriores do Prêmio ABERJE. Participe. Conte seu caso, a história da sua marca. Contribua para enriquecer a história da Comunicação Empresarial em nosso país.

Veja o Regulamento completo do Prêmio ABERJE 2007, 33ª edição.
Coordenação do Prêmio ABERJE

Índice

I) Condições para participação
II) Inscrições
III) Formato dos trabalhos
IV) Processo de julgamento e Premiação
V) Condições Gerais
VI) Prêmios Especiais
VII) Considerações Finais
VIII) Categorias
IX) Glossário
X) Ombudsman
XI) Anexos


PRÊMIO ABERJE 2007
33ª edição

MISSÃO
Fortalecer a visão estratégica na comunicação empresarial por meio do estímulo, do reconhecimento e da divulgação de esforços e de iniciativas na área.

CATEGORIAS DE PREMIAÇÃO
As categorias que compõem o Prêmio ABERJE 2007 são divididas em duas áreas: Gestão de Comunicação e Relacionamento e Gestão de Mídias:

GESTÃO DE COMUNICAÇÃO E RELACIONAMENTO
01-Campanha de Comunicação de Marketing
02-Comunicação Integrada
03-Comunicação nas Crises Empresariais
04-Comunicação e Relacionamento com a Comunidade
05-Comunicação e Relacionamento com a Imprensa
06-Comunicação e Relacionamento com Fornecedores
07-Comunicação e Relacionamento com Investidores
08-Comunicação e Relacionamento com o Público Interno
09-Comunicação e Relacionamento com Organizações Governamentais e Não-Governamentais;
10-Eventos Especiais
11-Responsabilidade Histórica e Memória Empresarial

GESTÃO DE MÍDIAS
12-Gestão de Mídia Impressa
13-Gestão de Mídia Audiovisual
14-Gestão de Mídia Digital


REGULAMENTO

1- O presente Regulamento tem a finalidade de estabelecer as normas relativas às condições para participação, inscrições, ao formato dos trabalhos, critérios de julgamento, categorias e premiação que regerão o Prêmio ABERJE 2007.

2- Por se tratar de um Prêmio que visa reconhecer a excelência da comunicação organizacional no Brasil, a premiação será conferida às Organizações, Instituições ou Órgãos Públicos, em benefício dos quais os trabalhos foram executados, independentemente do responsável pela inscrição.

3- O Prêmio ABERJE divide-se em duas fases, sendo uma fase Regional (Espírito Santo e Rio de Janeiro, Minas Gerais e Centro Oeste, Norte e Nordeste e São Paulo e Sul) e outra Nacional.

4- Para participar do Prêmio, o interessado deve inscrever o trabalho concorrente na região sede da empresa, agência ou assessoria onde o trabalho tenha sido desenvolvido ou veiculado.

I- CONDIÇÕES PARA PARTICIPAÇÃO

1 - Para participar do Prêmio ABERJE, o interessado deverá apresentar sua inscrição até às 17h do dia 10 de maio de 2007 em um dos endereços constantes no item II.5.

2 - Para a validade da inscrição é necessário que o interessado apresente o trabalho acompanhado da ficha de inscrição (conforme modelo anexo I) nos seguintes termos:

a. Trabalho - material especificado nas características técnicas da categoria escolhida pelo concorrente (item VIII - Categorias).
b. Ficha de inscrição, que deverá conter:

1. identificação da empresa concorrente;
2. identificação dos responsáveis pelas informações;
3. categoria em que o trabalho concorre;
4. região à qual o trabalho concorre;
5. comprovação do pagamento da taxa de inscrição.

3 - Os trabalhos inscritos em desconformidade com as condições acima especificadas serão desclassificados de ofício e não participarão de nenhuma das etapas do processo de julgamento.

II - INSCRIÇÕES

1 - Os trabalhos deverão ser entregues ou postados até o dia 10 de maio de 2007, às 17 horas, nos endereços indicados no item 5.

1.1.Todos os trabalhos terão que ser encaminhados junto com o comprovante de postagem do Correio ou da Empresa de transporte responsável pela entrega do material.

1.2. Os trabalhos inscritos após 10 de maio serão aceitos, porém, penalizados em três décimos a cada semana de atraso a ser aplicado na média final da 1ª etapa do julgamento.

2 - Associados ABERJE pagam taxa de inscrição no Prêmio, conforme item 4 e devem estar quites com suas obrigações sociais, durante todo o processo de julgamento do Prêmio ABERJE 2007, podendo o(s) trabalho(s) ser (em) desclassificado(s) caso a empresa tenha pendências financeiras.

3 - Empresas, assessorias, agências e profissionais autônomos não - associados a ABERJE poderão inscrever seus trabalhos, dentro das regras propostas para cada categoria de premiação, mediante o pagamento da taxa de inscrição.

4 - Taxa de Inscrição - Prêmio ABERJE 2007

Associados - R$ 1.625,00
Não-Associados - R$ 3.500,00*

* Esse valor refere-se apenas à taxa de inscrição no Prêmio, não incluindo a contribuição associativa.

4.1. O pagamento da taxa permite que a empresa ou agência, assessoria e profissional autônomo, inscrevam diversost rabalhos no Prêmio, não havendo limite para inscrições de trabalhos por taxa.

4.2. O pagamento da taxa de inscrição deverá ser realizado até o dia 10 de maio de 2007.

4.3. Para as inscrições realizadas após o dia 10 de maio o pagamento deverá ser feito na data da inscrição do trabalho no prêmio;

4.4. Em nenhuma hipótese o pagamento da taxa de inscrição será devolvido.

4.5. O pagamento deverá ser efetuado por boleto bancário. A solicitação do boleto bancário deverá ser feita pelo e-mail: premio@aberje.com.br contendo os dados cadastrais da empresa, para emissão do recibo. O comprovante de pagamento deverá ser encaminhado junto com o trabalho.

5 - Endereços para inscrição por região

5.1. O local da inscrição determinará a Região em que o trabalho concorre no Prêmio.

5.2. O mesmo trabalho, com conteúdo ou forma similar a critério exclusivo da Comissão Organizadora competente, não poderá ser inscrito em mais de uma Região e/ ou categoria.

5.3. Endereços relativos a cada uma das regiões:

5.3.1. Região São Paulo e Sul (Participantes dos Estados de São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul) - os trabalhos deverão ser endereçados da seguinte maneira:

ABERJE
Prêmio ABERJE 2007 - Região São Paulo e Sul
At. Jovanka Mariana de Genova
Categoria: (colocar o nome da categoria na qual o trabalho está sendo inscrito. Por exemplo: 05 - Comunicação e Relacionamento com a Imprensa)
Avenida Angélica, 1757 -11º andar - 01227-200 - São Paulo/SP
Responsável pela inscrição:
Contatos:
Informações: (11)5627-9090
Contato: Jovanka Mariana de Genova
E-mail: premio@aberje.com.br

5.3.2. Região Espírito Santo e Rio de Janeiro (Participantes dos Estados do Rio de Janeiro e Espírito Santo) - os trabalhos deverão ser enviados da seguinte maneira:

Franco Celano Comunicação
Prêmio ABERJE 2007 - Região Espírito Santo e Rio de Janeiro
Categoria: (colocar o nome da categoria na qual o trabalho está sendo inscrito. Por exemplo: 05 - Comunicação e Relacionamento com a Imprensa)
AV. Nilo Peçanha, 50 sala 2102
20020-100 - Rio de Janeiro/RJ
Responsável pela inscrição:
Contatos:
Informações: (21) 2220-7373
Contato: Marlene Cravo
E-mail: premio@aberje.com.br

5.3.3. Região Minas Gerais e Centro - Oeste (Participantes dos Estados de Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Distrito Federal) os trabalhos deverão ser enviados da seguinte maneira:

Prêmio ABERJE 2007 - Região Minas Gerais e Centro - Oeste
Exercere Comunicação Dirigida
Av. do Contorno, 6777 - sala 1201 - 12º andar
Bairro Stº Antônio - Belo Horizonte/MG
CEP: 30110-935
Informações: (31)3036-3806
Contato: Renata Mattos
E-mail: premio@aberje.com.br

5.3.4. Região Norte e Nordeste (Participantes dos Estados da Bahia, Pernambuco, Sergipe, Maranhão, Rio Grande do Norte, Alagoas, Piauí, Ceará, Paraíba, Tocantins, Amazonas, Pará, Acre, Rondônia, Roraima e Amapá) - os trabalhos deverão ser enviados da seguinte maneira:

ABERJE
Prêmio ABERJE 2007 - Região Norte e Nordeste
At. Jovanka Mariana de Genova
Categoria: (colocar o nome da categoria na qual o trabalho está sendo inscrito. Por exemplo: 05 - Comunicação e Relacionamento com a Imprensa)
Avenida Angélica, 1757 - 11º andar - 01227-200 - São Paulo/SP.
Responsável pela inscrição:
Contatos:
Informações: (11)5627-9090.
Contato: Jovanka Mariana de Genova
E-mail: premio@aberje.com.br

5.3.5. O Estado sede da região será aquele que obtiver o maior número de trabalhos inscritos da região. Nesse Estado serão realizadas as etapas de Julgamento e Cerimônia de Premiação Regional.

6 - Os trabalhos deverão ser enviados em boas condições e embalados em envelopes ou caixas resistentes. Avarias, violações ou extravios nos trabalhos são de responsabilidade de cada participante.

7 - Nos casos em que os trabalhos forem entregues pessoalmente em um dos endereços citados, os mesmos deverão ser encaminhados com protocolo de entrega em duas vias, papel timbrado da empresa, com a descrição do material, sendo esse procedimento responsabilidade do participante.

8 - Os trabalhos vencedores do Prêmio ABERJE 2007 ficarão no Centro de Memória e Referência da ABERJE, na sede nacional, à disposição dos associados para consultas, durante o ano de 2008, mediante agendamento prévio com a Coordenação do Prêmio ABERJE.

9 - Os participantes do Prêmio ABERJE 2007 estão cientes que os trabalhos nele inscritos poderão ser utilizados pela ABERJE no exercício de 2008 em seus cursos, palestras, seminários, e demais eventos, como cases.


III - FORMATO DOS TRABALHOS

1 - Somente participarão do Prêmio ABERJE 2007 os trabalhos produzidos entre 1° de janeiro de 2006 e 10 de maio de 2007. Os trabalhos desenvolvidos e executados em um período maior que o estipulado nesse regulamento serão aceitos no Prêmio 2007, porém as ações avaliadas serão as realizadas entre 01/01/06 e 27/04/07.

2 - Recomenda-se que os trabalhos sejam enviados juntamente com um texto impresso:

a) que descreva o contexto, cenário ou desafio, os principais dados da pesquisa realizada, os objetivos, os públicos envolvidos, o planejamento, o orçamento do trabalho, a execução, os resultados e a avaliação.
b) que siga as seguintes especificações: programa Word, formato de página impressa A4, corpo (tamanho da letra) 12 e entrelinhamento 1.5, com até 10 mil caracteres (sem espaço).

2.1. Um CD-ROM deverá acompanhar o trabalho inscrito, contendo o mesmo conteúdo da cópia impressa e imagens ilustrativas de todos os materiais enviados (formato “jpg”), exceto quando se tratar de audiovisuais. No caso de publicações (jornais, revistas, boletins e livros), poderá ser enviada apenas imagem da capa.

3 - Por se tratar de um Prêmio da Comunicação Organizacional Brasileira, recomendamos que os trabalhos inscritos tenham versão na língua portuguesa.

4 - É obrigatório que os trabalhos sejam apresentados no seguinte formato:

Categorias de Gestão de Comunicação e Relacionamento:
a) um conjunto do trabalho, com todas as peças que compõem a campanha ou projeto;

Categorias de Gestão de Mídias
a) um conjunto de três edições consecutivas (para os veículos periódicos: boletins, jornais, revistas e newsletters);
b) um exemplar de material não-periódico (Publicações Especiais);
c) um exemplar ou conjunto da (s) mídia (s) para a categoria de Gestão de Mídia Audiovisual.

4.1. Publicações lançadas durante o período base da premiação - 1° de janeiro de 2006 a 10 de maio de 2007 - poderão ser inscritas desde que o número de edições atinja pelo menos duas edições consecutivas no período relativo à premiação.

4.2. No caso de publicações semestrais, quadrimestrais ou trimestrais que não atinjam o número de edições consecutivas dentro do período exigido, poderão ser inscritas as duas últimas, desde que a última edição tenha sido produzida no período em questão.

4.3. Cada trabalho inscrito deverá vir acompanhado de sua respectiva ficha de inscrição, devidamente preenchida e assinada. A ficha de inscrição estará disponível no site da ABERJE: www.aberje.com.br. Serão aceitas também cópias da ficha que consta neste regulamento. Trabalhos encaminhados sem ficha de inscrição serão desclassificados sumariamente e de ofício.

5 - Os trabalhos inscritos não serão devolvidos.

III.1 - Orientações para as Agências, Assessorias e Profissionais Autônomos de Comunicação responsáveis pelas inscrições no Prêmio ABERJE.

1 - Por se tratar de um Prêmio que visa reconhecer a excelência da comunicação organizacional no Brasil, a premiação será conferida às Organizações, Instituições ou Órgãos Públicos em benefício dos quais os trabalhos foram executados, independentemente do responsável pela inscrição. Para inscrição e premiação dos trabalhos elaborados ou inscritos por agências de comunicação, sempre será utilizado o nome da empresa (cliente) como concorrente, sendo que a agência será expressamente reconhecida como parceira do trabalho.

2 - As inscrições efetuadas por agências, assessorias, consultorias e profissionais autônomos devem incluir uma carta de autorização ou uma declaração na qual fique expressa a concordância, por parte da empresa (cliente), com a inscrição do trabalho no Prêmio (vide carta modelo anexo II). Os trabalhos inscritos sem a referida Carta de Autorização não serão considerados aptos a participarem do prêmio.

IV - PROCESSO DE JULGAMENTO E PREMIAÇÃO

O processo de escolha dos vencedores deverá obedecer às etapas de classificação dos trabalhos e escolha dos finalistas; audiência pública, julgamento e premiação, nos termos ora estabelecidos. Os trabalhos vencedores dos Prêmios Regionais concorrerão ao Prêmio ABERJE Brasil, dentro de suas respectivas categorias.

1 - DESCLASSIFICAÇÃO

1.1 Independente das demais hipóteses de desclassificação previstas neste regulamento, serão desclassificados os trabalhos que:

a) não tenham comprovante de pagamento da taxa de inscrição;
b) forem inscritos em Região que não corresponda a sede da empresa, agência ou assessoria onde o trabalho tenha sido desenvolvido ou veiculado;
c) não se enquadrem no objetivo do Prêmio ABERJE;
d) forem inscritos em mais de uma Região;
e) forem inscritos em mais de uma Categoria;
f) não tenham sido produzidos entre 1° de janeiro de 2006 e 10 de maio de 2007; respeitadas a hipótese do item III.1.
g) forem entregues em desacordo com o formato estabelecido no item III. 4;
h) forem encaminhados sem Ficha de Inscrição;
i) tenham sido o único inscrito na sua categoria, na respectiva região.

1.1.1. Na hipótese dos itens “d” e “e”, a ABERJE manterá apenas um dos trabalhos no processo do Prêmio, a critério único e exclusivo da Comissão Organizadora competente.

1.1.2. Na hipótese do item “i”, caso exista um outro trabalho inscrito na mesma categoria, em outra região que também não tenha concorrente, excepcionalmente, serão mantidos os trabalhos, que serão avaliados e concorrerão entre si. O trabalho vencedor na categoria receberá o Prêmio ABERJE Regional 2007, pela própria região na qual foi inscrito originalmente, podendo concorrer, assim, ao Prêmio ABERJE Brasil 2007.

1.1.3. A desclassificação poderá acontecer em qualquer etapa do Prêmio ABERJE, tão logo seja verificada a hipótese desclassificatória.

1.1.3.1. Se a desclassificação se der após alguma etapa classificatória, será convocada a próxima empresa inscrita com maior nota.

1.1.3.2. Da decisão de determinar a desclassificação dos trabalhos não caberá qualquer recurso, nos termos do item V. 1.3.

2 - ESCOLHA DOS FINALISTAS - PRÊMIO ABERJE REGIONAL (1ª ETAPA)

2.1. Todos os trabalhos que não tenham sido desclassificados no processo de inscrição passarão pela avaliação de uma Comissão Julgadora Regional, integrada por profissionais de notório saber na área de comunicação.

2.2. Dentre os trabalhos avaliados em cada categoria, os três que obtiverem a maior média de pontos, depois de computadas as notas individuais atribuídas pelos jurados, serão finalistas para participar da próxima etapa.

2.3. Uma mesma empresa pode inscrever mais de um trabalho sobre temas diferentes na mesma categoria. Porém, apenas um deles (o de maior nota) poderá ser finalista, salvo na hipótese de a Categoria não contar com trabalhos de 3 (três) empresas diferentes inscritas.
2.4. Para as categorias com apenas 2 (dois) ou 3 (três) trabalhos inscritos, os trabalhos serão avaliados exclusivamente quanto aos critérios de desclassificação, mencionados no item IV. 1 acima, e, caso não haja qualquer fator de desclassificação, serão automaticamente classificados para a 2ª etapa.

2.5. Finalizada a avaliação, a Coordenação será responsável pelo anúncio e convocação dos trabalhos finalistas para a 2ª etapa do Prêmio (audiência pública), por meio de comunicado via e-mail e divulgação no site da ABERJE, com antecedência mínima de 7 (sete) dias.

3 - AUDIÊNCIA PÚBLICA - PRÊMIO ABERJE REGIONAL (2ª ETAPA)

3.1. Os responsáveis pelos trabalhos finalistas serão convocados a comparecer à audiência pública, na presença da Comissão Julgadora do Prêmio Regional, oportunidade em que deverão apresentar a defesa de seus trabalhos.

3.2. O tempo de apresentação na audiência pública será de 20 minutos por trabalho, sendo que após esse período o finalista será penalizado em dois décimos na média final do trabalho para cada minuto excedente. Em exceção à regra acima descrita, a categoria de Gestão de Mídia Audiovisual terá 15 minutos para a exposição das mídias e mais 10 minutos para a apresentação do representante do projeto, sendo punido após o prazo limite de 25 minutos em dois décimos na média final do trabalho para cada minuto excedente;

3.3. A ausência dos finalistas no local, data e horário designados pela ABERJE para a audiência pública resultará na sua exclusão do processo de premiação.

3.4. A data e o local das audiências públicas serão divulgados juntamente com a lista dos trabalhos finalistas por meio de comunicado via e-mail e divulgação no site da ABERJE, com antecedência mínima de 7 (sete) dias.

3.5. Os Prêmios ABERJE 2007 Regional serão concedidos, em cada categoria, aos trabalhos que obtiverem a maior média de pontos dentre a média final da 1ª e 2ª etapas depois de computadas as notas individuais atribuídas pelos jurados, podendo ocorrer empate.

3.6. Os vencedores serão conhecidos apenas na cerimônia de premiação.

3.7. Os trabalhos vencedores do Prêmio ABERJE Regional classificam-se automaticamente para o Prêmio ABERJE Brasil, em suas respectivas categorias.

4 - AUDIÊNCIA PÚBLICA - PRÊMIO ABERJE BRASIL (3ª ETAPA)

4.1. Os responsáveis pelas inscrições dos trabalhos vencedores do Prêmio ABERJE Regional, em cada uma das categorias, nas respectivas Regiões, serão convidados a comparecer à audiência pública na presença da Comissão Julgadora do Prêmio ABERJE Brasil, oportunidade em que deverão apresentar a defesa de seus trabalhos.
4.2. O tempo de apresentação na audiência pública será de 20 minutos por trabalho, sendo que após esse período o finalista será penalizado em dois décimos na média final do trabalho para cada minuto excedente. Em exceção à regra acima descrita, a categoria de Gestão de Mídia Audiovisual terá 15 minutos para a exposição das mídias e mais 10 minutos para a apresentação do representante do projeto, sendo punido após o prazo limite de 25 minutos em dois décimos na média final do trabalho para cada minuto excedente;

4.3. A ausência dos finalistas no local, data e horário designados pela ABERJE para a audiência pública resultará na sua exclusão do processo de premiação.

4.4. A defesa dos trabalhos acontecerá na cidade de São Paulo, em data a ser divulgada no site da ABERJE e por e-mail aos concorrentes ao Prêmio ABERJE Brasil, em cada uma das categorias (vencedores das etapas regionais), com antecedência mínima de 7 (sete) dias.

4.5. O Prêmio ABERJE Brasil 2007 será concedido, em cada categoria, aos trabalhos que obtiverem a maior média de pontos depois de computadas as notas individuais atribuídas pelos jurados, podendo ocorrer empate.

4.6. Os nomes dos vencedores serão conhecidos apenas na cerimônia de premiação que acontecerá na cidade de São Paulo.


V - CONDIÇÕES GERAIS

1 - JULGAMENTO

1.1. As Comissões Julgadoras do Prêmio Regional serão indicadas pelas Diretorias Regionais e ratificadas pela Diretoria da ABERJE Nacional.

1.2. A Comissão Julgadora do Prêmio ABERJE Brasil será indicada pela Diretoria Nacional em conjunto com o Conselho Deliberativo da ABERJE.

1.3. As Comissões Julgadoras serão formadas por profissionais de notável atuação na área de comunicação (professores, profissionais experientes, empresários ou especialistas).

1.4. As decisões das comissões são soberanas, não cabendo qualquer recurso ou impugnação. Eventuais dúvidas serão discutidas e examinadas pelas Comissões do Prêmio e, se necessário, contatado o responsável pela inscrição do trabalho.

1.5. Os casos não previstos neste regulamento serão examinados pela Diretoria da ABERJE com o amparo de assessoria jurídica e auditoria independentes.

1.6. Todo o processo de julgamento será acompanhado e auditado pela BDO Trevisan Auditores Independentes.

2 - PREMIAÇÃO

2.1. A divulgação dos vencedores será feita durante as cerimônias de premiação Regionais e Nacional.

2.2. As empresas vencedoras do Prêmio ABERJE 2007 receberão troféus prateados (Regionais) e dourados (Nacional). As empresas finalistas receberão troféus específicos para finalistas, prateados (Regionais) e dourados (Nacional). As agências, assessorias e produtoras responsáveis pela produção dos materiais inscritos que vencerem ou forem finalistas serão formalmente reconhecidas por sua participação por meio de diplomas.

2.3. Os trabalhos vencedores de cada categoria do Prêmio ABERJE Regional e Brasil participarão da revista do Prêmio ABERJE que apresentará um panorama contendo a síntese de todos os trabalhos vencedores. Para isso, todos os trabalhos inscritos deverão obedecer aos limites de espaço e formatações previamente estabelecidos em suas categorias.

3 - OMBUDSMAN

Críticas e sugestões referentes ao Prêmio ABERJE devem ser encaminhadas para o Ombudsman do Prêmio ABERJE, pelo e-mail ombudsman@aberje.com.br.

Missão do Ombudsman:
Administrar um canal de relacionamento e comunicação entre os organizadores e participantes do Prêmio com vistas a transformar sugestões, críticas e reclamações em aperfeiçoamento dos processos e da qualidade do Prêmio.

Objetivos:

• Catalisar idéias, dinamizando-as;
• Reforçar a credibilidade;
• Criticar processos, critérios, formatos etc;
• Melhorar a qualidade do Prêmio;
• Representar o participante.

VI - PRÊMIOS ESPECIAIS

1 - Os Prêmios Especiais podem ser concedidos às empresas, personalidades e mídias que tenham se destacado no ano de 2006.

1.1. Um júri especial, integrado pelos Diretores dos Capítulos regionais ou comitê especial de premiação regional e pela diretoria da ABERJE, será responsável pela eleição da Empresa do Ano em Comunicação Empresarial Regional, reconhecimento conferido à empresa que tiver se destacado no ano de 2006 por seu tratamento à comunicação como área estratégica de resultados em sua respectiva região.

1.2. O mesmo júri do item 1.1 será responsável também pela escolha da Personalidade do Ano em Comunicação Empresarial Regional, reconhecimento conferido ao profissional de comunicação que tiver se destacado no ano de 2006 por seu trabalho e dedicação na área da comunicação empresarial em sua respectiva região.

1.3. O mesmo júri do item 1.1 poderá também eleger os destaques do Prêmio Mídia do Ano em Comunicação Empresarial Regional nas modalidades Jornal, Revista, Rádio, Televisão e Mídia Especializada.

1.4. Um júri especial, integrado pelos diretores e membros do Conselho da ABERJE, será responsável pela eleição da Empresa do Ano em Comunicação Empresarial - Grand Prix Brasil.

1.5. O mesmo júri do item 1.4 também elegerá os ganhadores do Prêmio Mídia do Ano em Comunicação Empresarial Brasil nas modalidades Jornal, Revista, Rádio, Televisão e Mídia Especializada.

VII - CONSIDERAÇÕES FINAIS

1 - Ao se inscreverem, os candidatos ao Prêmio ABERJE 2007 concordam com a utilização gratuita de seu nome, voz, imagem e trabalho para divulgação em qualquer meio de comunicação, nacional e internacional, em língua portuguesa ou traduzida para outros idiomas, na forma impressa ou eletrônica.

2 - A ABERJE se reserva ao direito de publicar na íntegra ou em parte todos os trabalhos inscritos e premiados, em quaisquer veículos de comunicação de sua responsabilidade direta.

3 - Os casos omissos neste Regulamento serão sanados pelas comissões julgadoras, no âmbito de suas competências e, suplementarmente, pela Comissão organizadora do Premio ABERJE 2007.

4 - Os participantes declaram expressamente que, no ato da inscrição para participarem do Prêmio ABERJE 2007, receberam cópia integral do presente Regulamento, com o qual concordam e manifestam sua expressa e incondicional concordância.


VIII - CATEGORIAS

A escolha da categoria define os critérios que serão utilizados pelos jurados para avaliar o trabalho; caso o trabalho seja inscrito em uma categoria inadequada, o mesmo não será redirecionado para a categoria correta e assim sua avaliação poderá ser prejudicada.

GESTÃO DE COMUNICAÇÃO E RELACIONAMENTO

A divisão de Gestão de Comunicação e Relacionamento se destina aos projetos programas e campanhas de Comunicação Estratégica da organização.

1 - CAMPANHA DE COMUNICAÇÃO DE MARKETING

Conjunto de ações mercadológicas e/ou institucionais dirigidas ao público externo, para divulgação de produtos, serviços, imagem institucional, feiras, exposições etc.

Forma de apresentação para o Prêmio:

• Os trabalhos deverão ser apresentados em forma de “cases”.
• Encaminhar 1 (um) conjunto do trabalho.
• Conforme orientação deste regulamento, o case pode ser acompanhado de um material descritivo (vide item III).

Requisitos:

• Exposição de motivos e do contexto organizacional que levaram à concepção da campanha;
• Objetivos da campanha: públicos-alvos, duração;
• Inserção da campanha na estratégia global da organização;
• Ações de comunicação utilizadas. Incluir todas as peças que compõem a campanha (publicidade, comerciais, folhetos, folder, cartazes, boletins, vídeos, brindes etc);
• Recursos empregados; investimento da campanha;
• Resultados alcançados: indicadores de sucesso, pesquisas, feedback etc.

Critérios de Julgamento:

• Criatividade e inovação;
• Pertinência da campanha;
• Inserção da campanha na estratégia global da organização;
• Razoabilidade: recursos empregados em face ao retorno do investimento;
• Adequação das mensagens, peças e canais aos públicos;
• Qualidade e integração das peças utilizadas;
• Resultados apurados. Eficácia da campanha.

2 - COMUNICAÇÃO INTEGRADA

Sistema que integre a comunicação segmentada. Conjunto que engloba visão estratégica, planejamento, processos, ações de relacionamento e de comunicação com os diversos públicos estratégicos (clientes/consumidores/usuários, investidores, público interno, comunidade, imprensa, governos etc) com objetivo de agregar valor à imagem institucional da organização.

Forma de apresentação para o Prêmio:

• Os trabalhos deverão ser apresentados em forma de “cases”.
• Encaminhar 1 (um) conjunto do trabalho.
• Conforme orientação deste regulamento, o case pode ser acompanhado de um material descritivo (vide item III).

Requisitos:

• Visão estratégica: imagem institucional desejada;
• Descrição do sistema: planejamento, processos, ações;
• Mensagens centrais; públicos-alvos;
• Integração das comunicações segmentadas;
• Ações de comunicação utilizadas. Incluir todas as peças que demonstram a integração (eventos, vídeos, publicidade, comerciais, folhetos, folder, cartazes, boletins etc);
• Recursos empregados; investimento do sistema;
• Resultados alcançados: indicadores de sucesso, pesquisas, feedback etc.

Critérios de Julgamento:

• Criatividade e inovação;
• Integridade estratégica;
• Qualidade do sistema e dos processos;
• Integração das comunicações segmentadas;
• Pertinência das ações;
• Razoabilidade: recursos empregados em face ao retorno do investimento;
• Adequação das peças e mensagens aos públicos;
• Resultados apurados.

3 - COMUNICAÇÃO NAS CRISES EMPRESARIAIS

Conjunto de ações de comunicação desenvolvidas e aplicadas em situações de crises empresariais (ou em prevenção a elas) que afetem ou possam afetar a imagem institucional da organização.

Forma de apresentação para o Prêmio:

• Os trabalhos deverão ser apresentados em forma de “cases”.
• Encaminhar 1 (um) conjunto do trabalho.
• Conforme orientação deste regulamento, o case pode ser acompanhado de um material descritivo (vide item III).

Requisitos:

• Descrição da crise: tipo, impacto na imagem da organização;
• Estratégia de comunicação utilizada;
• Ações de comunicação utilizadas; timing e objetivo das ações; ações por públicos selecionados. Incluir as peças usadas (vídeos, entrevistas, comunicados internos e externos, publicidade, comerciais, folhetos, folder, cartazes, boletins etc);
• Recursos empregados; investimento das ações;
• Resultados alcançados (pesquisas, feedback etc).

Critérios de Julgamento:

• Eficácia da estratégia;
• Adequação das peças e mensagens aos públicos;
• Razoabilidade: recursos empregados em face ao retorno do investimento;
• Resultados apurados.

4 - COMUNICAÇÃO E RELACIONAMENTO COM A COMUNIDADE

Conjunto de ações, atividades, processos e práticas de comunicação e relacionamento, que devem estar alinhados a responsabilidade corporativa, com a finalidade de ampliar a percepção da comunidade e de outro(s) público(s) estratégico(s) que se relaciona (am) com a empresa.

Forma de apresentação para o Prêmio:

• Os trabalhos deverão ser apresentados em forma de “cases”.
• Encaminhar 1 (um) conjunto do trabalho.
• Conforme orientação deste regulamento, o case pode ser acompanhado de um material descritivo (vide item III).

Requisitos:

• Inserção do projeto na estratégia global da organização;
• Descrição da estratégia e dos objetivos;
• Descrição das características da comunidade;
• Justificativa para o desenvolvimento do projeto;
• Descrição da importância da comunidade como stakeholder da empresa;
• Ações de comunicação utilizadas. Incluir todas as peças usadas (publicidade, comerciais, folhetos, folder, cartazes, boletins, vídeos, reuniões, encontros etc);
• Recursos empregados; investimento do projeto;
• Resultados obtidos (pesquisas, feedback etc)

Critérios de Julgamento:

• Inserção do projeto na estratégia global da organização;
• Adequação do projeto na ótica da comunidade;
• Uso adequado dos canais e dos veículos de comunicação;
• Adequação das mensagens, peças e canais ao público;
• Razoabilidade: recursos empregados em face ao retorno do investimento;
• Resultados apurados;
• Eficácia do projeto.

5 - COMUNICAÇÃO E RELACIONAMENTO COM A IMPRENSA

Conjunto de ações de comunicação, enfocando um mesmo tema e contexto, para ampliar e melhorar o relacionamento com a imprensa, visando à construção e a manutenção da imagem da organização bem como ao atendimento às demandas públicas pela informação.

Forma de apresentação para o Prêmio:

• Os trabalhos deverão ser apresentados em forma de “cases”.
• Encaminhar 1 (um) conjunto do trabalho.
• Conforme orientação deste regulamento, o case pode ser acompanhado de um material descritivo (vide item III).

Requisitos:

• Inserção das ações na estratégia global da organização;
• Ações de comunicação utilizadas. Incluir todas as peças usadas nessas ações (releases, clipping, coletivas de imprensa, treinamentos internos, manuais, folhetos, folder, cartazes, boletins etc);
• Abordagem em função do perfil dos veículos;
• Recursos empregados; investimento das ações;
• Resultados alcançados: indicadores de sucesso, pesquisas, feedbacks, clipping analítico etc.

Critérios de Julgamento:

• Criatividade e inovação;
• Estratégia utilizada;
• Pertinência das ações;
• Qualidade dos processos e das peças utilizadas;
• Razoabilidade: recursos empregados em face ao retorno do investimento;
• Adequação das mensagens, peças e canais aos públicos;
• Resultados apurados.

6 - COMUNICAÇÃO E RELACIONAMENTO COM FORNECEDORES

Conjunto de ações de comunicação desenvolvidas e aplicadas junto com fornecedores em geral (fornecedores dentro da cadeia produtiva, parceiros de negócio, revendedores, dealers, terceiros de qualquer natureza, franqueados, networking marketing etc)

Forma de apresentação para o Prêmio:

• Os trabalhos deverão ser apresentados em forma de “cases”.
• Encaminhar 1 (um) conjunto do trabalho.
• Conforme orientação deste regulamento, o case pode ser acompanhado de um material descritivo (vide item III).

Requisitos:

• Descrição das características do público-alvo;
• Inserção das ações na estratégia global da organização;
• Ações de comunicação utilizadas. Incluir todas as peças que compõem as ações (convenções, reuniões, folhetos, folder, cartazes, boletins, releases etc);
• Recursos empregados; investimento das ações;
• Resultados alcançados: indicadores de sucesso, pesquisas, feedbacks.

Critérios de Julgamento:

• Criatividade e inovação;
• Pertinência das ações;
• Qualidade das peças utilizadas;
• Razoabilidade: recursos empregados em face ao retorno do investimento;
• Adequação das peças e mensagens aos públicos;
• Resultados apurados.

7 - COMUNICAÇÃO E RELACIONAMENTO COM INVESTIDORES

Conjunto de ações, atividades, processos, técnicas e práticas de comunicação e de relacionamento que propicie a interação entre setores especializados da empresa ou cooperativa e investidores ou assemelhados (acionistas ou seus representantes; cooperados; cotistas; atores do mercado de capitais e da comunidade financeira etc).

Forma de apresentação para o Prêmio:

• Os trabalhos deverão ser apresentados na forma de “cases”.
• Encaminhar 1 (um) conjunto do trabalho.
• Conforme orientação deste regulamento, o case pode ser acompanhado de um material descritivo (vide item III).

Pré-requisitos para concorrer nesta categoria: (1) a cooperativa precisa atender o que dispõe a lei 5764/71 (sobre Política Nacional de Cooperativismo); (2) a empresa precisa ser uma Sociedade Anônima registrada na CVM (Comissão de Valores Mobiliários); e (3) o Fundo precisa atender a uma das legislações: Lei complementar 109, de 29 de maio de 2001, ou instrução CVM nº. 409, de 18 de agosto de 2004.

Requisitos:

• Ações de comunicação utilizadas. Incluir todas as peças que compõem o trabalho (relatório financeiro, balanço social, apresentação dos resultados, visitas às unidades da empresa, vídeo-conferência, eventos com investidores ou cooperados);
• Apresentação das demonstrações contábeis;
• Inserção das ações na estratégia global da organização;
• Recursos empregados; investimento das ações;
• Resultados alcançados: indicadores de sucesso, pesquisas, reconhecimento e premiações na área de relação com investidores e/ou cooperados, e/ou cotistas; depoimentos de analistas especializados e de investidores isentos.

Obs.: serão desclassificados os trabalhos inscritos que contenham apenas o Relatório Anual.

Critérios de Julgamento:

• Criatividade e inovação;
• Abordagem sistêmica da comunicação: periodicidade, acompanhamento, feedbacks, interação com público-alvo etc;
• Impacto do relacionamento com investidores/cooperados/cotistas e os demais públicos estratégicos;
• Coerência das mensagens em relação ao posicionamento histórico no mercado;
• Razoabilidade: recursos empregados em face ao retorno do investimento;
• Qualidade do processo de divulgação e distribuição das informações;
• Qualidade das peças utilizadas;
• Resultados apurados.


8 - COMUNICAÇÃO E RELACIONAMENTO COM O PÚBLICO INTERNO

Conjunto de ações de comunicação e relacionamento dirigido ao público interno (empregados e familiares, empregados de empresas terceirizadas que prestem serviços em caráter permanente, aposentados, etc.), com o objetivo de informar, educar, motivar, engajar, criar espírito de equipe e desenvolver o “orgulho de pertencer”.

Forma de apresentação para o Prêmio:

• Os trabalhos deverão ser apresentados em forma de “cases”.
• Encaminhar 1 (um) conjunto do trabalho.
• Conforme orientação deste regulamento, o case pode ser acompanhado de um material descritivo (vide item III).

Requisitos:

• Descrição das características do público interno: segmentos e desafios da comunicação;
• Inserção das ações na estratégia global da organização;
• Ações de comunicação utilizadas. Incluir as peças que compõem as ações (jornais, revistas, folhetos, intranet, convenções internas, sistemas de reconhecimento, vídeos, reuniões, brindes, folder, cartazes, anúncios, comerciais, boletins etc);
• Recursos empregados; investimento das ações;
• Resultados alcançados: indicadores de sucesso, pesquisas, feedbacks, ganhos de produtividade etc.

Critérios de Julgamento:

• Criatividade e inovação;
• Abordagem sistêmica da comunicação: periodicidade, acompanhamento, feedbacks;
• Estratégia utilizada;
• Uso dos canais e veículos de comunicação;
• Adequação das mensagens, peças e canais ao público;
• Razoabilidade: recursos empregados em face ao retorno do investimento;
• Pertinência das ações;
• Qualidade do processo e das peças utilizadas;
• Resultados apurados.

9 - COMUNICAÇÃO E RELACIONAMENTO COM ORGANIZAÇÕES GOVERNAMENTAIS E NÃO-GOVERNAMENTAIS

Conjunto de ações, programas, processos, atividades de comunicação e de relacionamento junto com a organizações governamentais (Executivo, Legislativo e Judiciário) em todas as suas esferas (federal, estadual e municipal), e com organizações não-governamentais (associações de classe, sindicatos, organizações não - governamentais de diferentes naturezas e finalidades), com o objetivo de abrir e manter canais que possam auxiliar no fortalecimento da imagem empresarial e na administração das questões públicas.


Forma de apresentação para o Prêmio:

• Os trabalhos deverão ser apresentados em forma de “cases”.
• Encaminhar 1 (um) conjunto do trabalho.
• Conforme orientação deste regulamento, o case pode ser acompanhado de um material descritivo (vide item III).

Requisitos:

• Descrição da motivação para investimento nesta comunicação;
• Inserção das ações na estratégia global da organização;
• Ações de comunicação utilizadas. Incluir todas as peças que compõem essas ações (visitas institucionais, reuniões, contatos, programas institucionais, parcerias, publicidade, folhetos, folder etc);
• Recursos empregados; investimento das ações;
• Resultados alcançados: indicadores de sucesso, pesquisas, feedbacks, prêmios etc.

Critérios de Julgamento:

• Criatividade e inovação;
• Pertinência do projeto;
• Qualidade das peças utilizadas;
• Razoabilidade: recursos empregados em face ao retorno do investimento;
• Adequação das mensagens, peças e canais aos públicos;
• Resultados apurados.

10 - EVENTOS ESPECIAIS

Eventos institucionais ou promocionais, dirigidos aos públicos com os quais a empresa se relaciona ou ao público em geral com a finalidade de criar conceito e estabelecer a imagem de empresas, produtos, serviços, idéias e pessoas, por meio de um acontecimento previamente planejado, a ocorrer em tempo e local(is) definido(s), com a contigüidade física entre os participantes. Podemos classificar como eventos especiais: eventos comemorativos (celebração de datas importantes, de conquistas empresariais); concursos; lançamento de projetos, produtos, serviços ou de campanhas; inaugurações de instalações; convenções de vendas e marketing, seminários, workshops; eventos sociais, culturais e esportivos etc.

Forma de apresentação para o Prêmio:

• Os trabalhos deverão ser apresentados em forma de “cases”. Encaminhar 1 (um) conjunto do trabalho.
• Conforme orientação deste regulamento, o case pode ser acompanhado de um material descritivo (vide item III).

Requisitos:

• Descrição das razões do evento;
• Inserção do evento na estratégia global da organização;
• Ações de comunicação utilizadas. Incluir todas as peças que compõem o evento (convite, fotos, folder, vídeos, brindes, publicidade, anúncios etc).
• Recursos empregados; investimento do evento;
• Resultados alcançados: pesquisas, feedback, retorno institucional, mídia etc.

Critérios de julgamento:

• Concepção / Conceito e finalidade do evento;
• Criatividade e inovação;
• Pertinência e adequação do evento à estratégia da empresa;
• Qualidade e adequação das peças utilizadas;
• Qualidade global do evento;
• Razoabilidade: recursos empregados em face ao retorno do investimento;
• Resultados apurados.

11 - RESPONSABILIDADE HISTÓRICA E MEMÓRIA EMPRESARIAL

Conjunto de ações ou trabalhos cujos objetivos sejam a preservação, a valorização e a divulgação da memória de empresas e instituições e as inter-relações entre a história da organização, o contexto de desenvolvimento do(s) setor(es) em que atua(m), as comunidades e demais públicos de relacionamento.
Nesta categoria incluem-se trabalhos voltados à preservação permanente da memória empresarial (como Museus e Centros de Memória) e campanhas voltadas a comemorações históricas específicas.

Forma de apresentação para o Prêmio:

• Os trabalhos deverão ser apresentados em forma de “cases”.
• Encaminhar 1 (um) conjunto do trabalho.

Obs.: (1) Não serão considerados trabalhos que contenham uma única peça. (2) A empresa não deve inscrever nessa categoria apenas a Publicação (livro) da Memória Empresarial; essa peça deve ser inscrita na Categoria de Gestão de Mídia Impressa. Em caso de Vídeo Histórico, a peça deve ser inscrita na categoria de Gestão de Mídia audiovisual. Em situações semelhantes de inscrições apenas de uma mídia como jornal, revista, audiovisuais etc., os mesmos devem ser inscritos nas suas respectivas categorias. Conforme orientação deste regulamento, o case pode ser acompanhado de um material descritivo (vide item III).

Requisitos:

• As ações de comunicação utilizadas deverão incluir todas as peças que compõem o desenvolvimento do projeto (boletins, vídeos, brindes, folder, cartazes, anúncios etc).
• Formas de resgate, organização e análise de materiais históricos (documentos, memória oral, iconografia etc);
• Estratégia de divulgação e ações pós-lançamento;
• Recursos empregados; investimento do projeto;
• Resultados alcançados: pesquisas, feedbacks, alcance etc.

Critérios de julgamento:

• Criatividade e inovação;
• Consistência e qualidade das informações veiculadas;
• Qualidade das peças utilizadas;
• Compromisso histórico com a comunidade onde opera e com a sociedade em geral;
• Razoabilidade: recursos empregados em face ao retorno do investimento;
• Meios utilizados para comunicar-se com os diferentes públicos;
• Resultados apurados.

GESTÃO DE MÍDIAS

Estas categorias estão focadas diretamente nos veículos de comunicação dirigidos aos públicos interno e externo e levam em consideração sua adequação aos objetivos empresariais e à estratégia de comunicação utilizada.

12 - GESTÃO DE MÍDIA IMPRESSA

Mídia Impressa ou conjunto de mídias impressas periódicas e/ou não - periódicas dirigida a um público determinado ou a sua rede de relacionamento com uma finalidade estratégica.

Estão incluídas nesta categoria as seguintes mídias impressas: boletim institucional, jornal institucional, revista institucional, jornal mural, publicação especial etc.

Forma de apresentação para o Prêmio

• Os trabalhos deverão ser apresentados em forma de “case”
• Conforme orientação deste regulamento, o case pode ser acompanhado de um material descritivo (vide item III).

Requisitos

• Exposição de motivos e do contexto organizacional que levaram à concepção da mídia e/ou mídias;
• Inserção da peça ou conjunto na estratégia global da organização;
• Recursos empregados; investimento aplicado;
• Jornal, Boletim e Revista: deve ser encaminhado 1 (um) conjunto de três edições consecutivas;
• Jornal Mural: deverá ser apresentado através de três fotos do mural (visão integral) do conjunto de notícias (em papel original) que compõem cada edição (relativo a três edições consecutivas);
• Publicação Especial: 1 (um) exemplar da edição;
• Resultados alcançados: pesquisas, feedback etc.

Critérios de julgamento:

• Adequação do tema da publicação ao objetivo da ação (descrever o objetivo da publicação e indicar o público-alvo);
• Qualidade editorial (texto, abordagem, redação e edição);
• Criatividade e inovação no planejamento (introdução de novas idéias, modernidade de pauta);
• Design, projeto gráfico e qualidade de impressão;
• Iconografia (qualidade e equilíbrio entre fotos e ilustrações);
• Estratégia de distribuição;
• Razoabilidade: recursos empregados em face ao retorno do investimento;
• Resultados obtidos.

13- GESTÃO DE MÍDIA AUDIOVISUAL

Audiovisual ou conjunto de mídias dirigidas a um público determinado ou a sua rede de relacionamento, com uma finalidade estratégica.

Estão incluídas nesta categoria as seguintes mídias audiovisuais: vídeos institucionais, TVs Corporativas, rádios institucionais, filmes institucionais etc.

Forma de apresentação:

• O material deverá ser enviado em formato de DVD, VHS ou CD. Encaminhar 1 (um) conjunto do trabalho.
• Os trabalhos deverão ser apresentados em forma de “cases”.
• Conforme orientação deste regulamento, o case pode ser acompanhado de um material descritivo (vide item III).

Requisitos

• Exposição de motivos e do contexto organizacional que levaram à concepção da mídia;
• Inserção da peça ou conjunto na estratégia global da organização;
• Recursos empregados e investimento aplicado;
• Exposição de motivos e do contexto organizacional que levaram à concepção da ação de comunicação;
• Resultados alcançados: pesquisas, feedback etc.

Critérios de julgamento:

• Criatividade e inovação no planejamento (introdução de novas idéias e conceitos);
• Criatividade e modernidade de pauta;
• Adequação do material ao perfil do público-alvo (anexar perfil);
• Qualidade de áudio, adequação do roteiro, locução, trilha, qualidade de imagem, fotografia, edição, duração da veiculação, ritmo / timing;
• Razoabilidade: recursos empregados em face ao retorno do investimento;
• Resultados obtidos.

14 - GESTÃO DE MÍDIA DIGITAL

Mídia Digital ou Conjunto de mídias dirigidas a um público determinado ou as suas redes de relacionamento com uma finalidade estratégica.

Estão incluídas nesta categoria as seguintes ações de comunicação digital: sistemas de conhecimento (knowledge management) e treinamento de pessoas; hot sites; salas de imprensa virtuais; campanhas de e-mail marketing; campanhas de marketing viral; sistemas de mensagens e conteúdos para receptores sem fio (SMS e MMS); sistemas de mensagens online (messengers); podcastings; blogs corporativos; portal corporativo; newsletter digital; intranet; internet etc.

Forma de apresentação para o Prêmio:

• Os trabalhos deverão ser apresentados em forma de “case”.
• Encaminhar 1(um) conjunto do trabalho.
• Conforme orientação deste regulamento, o case pode ser acompanhado de um material descritivo (vide item III).

Requisitos:

• Os projetos de comunicação digital deverão ser apresentados inicialmente com uma exposição de motivos e do contexto organizacional que levaram à concepção da ação comunicativa e da escolha do ambiente digital como meio de disseminação;
• Considerando a diversidade de plataformas o projeto poderá, conforme o caso: vir acompanhado de impressão das telas envolvidas, demonstrando o real conteúdo veiculado; de apresentação em meio digital em sua forma integral, incluindo hiperlinks e respectivas funcionalidades de interatividade em formato de Cd-Rom; indicação de URL (e eventuais senhas de acesso, se necessário) para avaliação da peça em tempo real e no contexto de seu ambiente digital, e proposta comunicacional; ou de gravações de áudio e imagem ilustrativas;
• Recursos empregados; investimento aplicado;
• Resultados alcançados: pesquisas, feedback etc.

Critérios de julgamento:

• Concepção, conceito, finalidade do projeto;
• Clareza na identificação dos diferentes públicos aos quais o projeto se destina e de suas respectivas formas de acesso;
• Criatividade e inovação na concepção e operação da proposta;
• Estrutura narrativa do conteúdo: hipermídia, não-linearidade e adequação editorial;
• Funcionalidades disponíveis, ferramentas interativas, ferramentas de segmentação de públicos;
• Design e arquitetura da informação: navegabilidade, usabilidade, adequação visual, identificação com a imagem corporativa;
• Adequação técnica e operacional à plataforma escolhida;
• Adequação à proposta e à estratégia comunicacional;
• Razoabilidade: recursos empregados em face ao retorno do investimento;
• Resultados apurados.

IX - GLOSSÁRIO

BOLETIM INSTITUCIONAL - Publicação com conteúdo essencialmente específico e dirigido a um ou mais elementos componentes do Público Externo (clientes, consumidores, fornecedores, comunidade, distribuidores, revendedores, imprensa, governo, universidades, associações de classes, entre outros) e/ou Público Interno (empregados e familiares e empregados de empresas terceirizadas que prestem serviços em caráter permanente).

JORNAL INSTITUCIONAL - Publicação com conteúdos informativos, interpretativos, opinativos e de entretenimento, dirigida a um ou mais elementos componentes do Público Externo (clientes, consumidores, fornecedores, comunidade, distribuidores, revendedores, imprensa, governo, universidades, associações de classes, entre outros) e/ou Público Interno (empregados e familiares e empregados de empresas terceirizadas que prestem serviços em caráter permanente).

REVISTA INSTITUCIONAL - Publicação com conteúdo predominantemente interpretativo e de interesse permanente, diversidade temática, dirigida a um ou mais elementos componentes do Público Externo (clientes, consumidores, fornecedores, comunidade, distribuidores, revendedores, imprensa, governo, universidades, associações de classes, entre outros) e/ou Público Interno (empregados e familiares e empregados de empresas terceirizadas que prestem serviços em caráter permanente).

JORNAL MURAL - Veículo de informação corporativo dirigido ao público interno da empresa, enfoque sobre temas como negócios da empresa, recursos humanos, segurança, saúde, meio ambiente, responsabilidade social, lazer/ cultura, entre outros.

PUBLICAÇÃO ESPECIAL - Publicação sem periodicidade definida, dirigida a um ou mais públicos, abordando tema social, cultural ou comemorativo.

VÍDEO INSTITUCIONAL - Tem por finalidade a divulgação institucional da empresa, de seus produtos, serviços e realizações nas comunidades, propiciar integração, gerar incentivo e motivação; criar envolvimento e comprometimento para com os objetivos e metas da empresa; colaborar para a implantação de estratégias de negócio, contribuir para a melhoria do clima organizacional; colaborar para o desenvolvimento técnico profissional e divulgar as boas realizações ou equipes de trabalho. Pode ser dirigido ao público externo - (clientes, consumidores, fornecedores, comunidade, distribuidores, revendedores, imprensa, governo, universidades, associações de classe, entre outros); e/ ou Público Interno (empregados e familiares e empregados de empresas terceirizadas que prestem serviços em caráter permanente).

SISTEMA DE CONHECIMENTO (KNOWLEDGE MANAGEMENT) E TREINAMENTO DE PESSOA - Voltado para a agregação de competências e troca de experiências, e gestão dos ativos intelectuais e da memória implícita da organização.

HOT SITES - Conjunto de páginas web temporárias (são retiradas da rede após a consecução dos objetivos de comunicação) destinadas a ações de comunicação e marketing pontuais, como promoções e votações, lançamento de produtos, canal de cadastramento e atualização de bancos de dados, lançamento de produtos e/ou serviços etc.

SALAS DE IMPRENSA VIRTUAIS - Voltadas ao relacionamento específico da organização com os meios de comunicação, visando a agilização do relacionamento e a antecipação de conteúdos.

CAMPANHAS DE E-MAIL MARKETING - Funcionam como uma ferramenta paralela às páginas web (são veiculadas por meio do sistema de correio eletrônico) e são utilizadas para disseminação de mensagens rápidas e pontuais como: mensagens de última hora, distribuição de newsletters, confirmação de relacionamento, campanhas promocionais;

CAMPANHAS DE MARKETING VIRAL - Planejadas para uma disseminação exponencial das mensagens a partir de um conjunto de multiplicadores selecionados que utilizam o ambiente digital para promover um “boca-a-boca” virtual. Objetivam o estabelecimento de relacionamentos exclusivamente no ambiente digital para formação de banco de dados, comunidades de relacionamentos e interesses, lançamento de produtos e serviços, sensibilização coletiva, etc.

SISTEMAS DE MENSAGENS E CONTEÚDOS PARA RECEPTORES SEM FIO (SMS E MMS) - Criado para estabelecer relacionamentos de fidelização contínua por meio da comunicação em aparelhos celulares; intercâmbio de informações operacionais entre as partes; promoção de ofertas; disparo de lembretes para públicos específicos etc.

SISTEMAS DE MENSAGENS ONLINE (Messenger) - Para compartilhamento de informações em tempo real; agilização do processo decisório; reuniões (texto, voz e imagem) online, etc.

PODCASTINGS - Objetiva a comunicação através de arquivos de áudio transmitidos via internet, possibilitando a divulgação de diversos temas através de um agregador de informação.

BLOGS CORPORATIVOS - Objetivam a agilização e o diálogo com públicos estratégicos de forma bastante segmentada e diferenciada, num contexto de comunicação informal.

PORTAL CORPORATIVO - Plataforma unificada de entrada, filtragem e relacionamento que objetiva a existência, em ambiente digital, de sistemas comunicacionais voltados para o relacionamento, disseminação de mensagens e realização de transações com todos os públicos estratégicos da organização (interno, externo, comunidade etc), com oferta de conteúdos específicos e personalizados para cada público. Este conjunto deverá estar organizado de forma coerente e clara, para que cada público-alvo possa identificar os canais e a proposta estratégica de relacionamento com este ambiente digital.

NEWSLETTER DIGITAL - Boletim informativo destinado aos diferentes públicos da organização (interno ou externo), com periodicidade regular, veiculado em ambientes digitais, cujo conteúdo tenha temática definida e constante.

INTRANET - Conjunto de páginas da web cuja concepção, agregação e conteúdo objetivam a existência em ambiente digital de um sistema comunicacional voltado para o relacionamento, disseminação de mensagens e realização de atividades operacionais com o público interno da organização. Este conjunto deverá estar organizado de forma coerente e clara, para que o público-alvo possa identificar o sistema independentemente dos procedimentos e localização do ponto de acesso.

INTERNET - Conjunto de páginas da web cuja concepção, agregação e conteúdo objetivam a existência em ambiente digital de sistemas comunicacionais voltados para o relacionamento, disseminação de mensagens e realização de transações com os diferentes públicos externos da organização.

FLUXO BIDIRECIONAL - Permite a interatividade entre os usuários da rede, estabelecendo um diálogo entre as partes conectadas; o diálogo pode ocorrer em tempo real ou em tempo assíncrono, sem prejudicar o conteúdo ou a atualidade da comunicação.

URL (uniform resource locators) - Refere-se ao endereço de localização das páginas no ambiente da rede mundial de computadores. Um endereço típico geralmente tem a seguinte composição: http://www.nomedapágina.tipodaorganização.código do país = http://www.aberje.com.br.

SMS (short message service) - Refere-se ao sistema de distribuição de mensagens de texto por meio de redes de comunicação sem fio.

MMS (multimedia messaging service) - Refere-se ao sistema de distribuição de mensagens de imagem e áudio por meio de redes de comunicação sem fio.

INDICADORES DE AVALIAÇÃO EM AMBIENTE DIGITAL - Os indicadores de avaliação são categorizados em dois conjuntos de informações: o conjunto quantitativo refere-se ao número de acessos, visitantes únicos e interações realizadas no ambiente e mensuradas por sistemas de auditoria digital; o conjunto qualitativo refere-se à análise de conteúdo existente nos canais de comunicação com os usuários, como por exemplo, conteúdo de e-mails, enquetes de sugestões e pesquisas qualitativas feitas com o público, entre outras.

X - OMBUDSMAN

Críticas e sugestões referentes ao Prêmio ABERJE devem ser encaminhadas para o Ombudsman do Prêmio ABERJE, pelo e-mail ombudsman@aberje.com.br.

ROBERTO DE CASTRO NEVES - Formado em Direito (com Doutorado em Direito Público) e em Administração de Empresas pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro. Ex-vice-presidente de recursos humanos e relações externas e membro do comitê executivo da IBM Brasil. Na sua carreira, ocupou posições nas áreas de marketing, comunicações, relações com governo, relações com a imprensa, relações com a comunidade e recursos humanos. Foi consultor de imagem para a empresa em toda América Latina.
Autor de:
- “Imagem empresarial - como as organizações [e as pessoas] podem proteger e tirar partido do seu maior patrimônio”, lançado em dezembro de 1998, pela editora Mauad.
- “Comunicação empresarial integrada”, lançado em dezembro de 2000 pela mesma editora.
- “Crises empresariais com opinião pública”, lançado em 2002 pela mesma editora.
- Artigos em jornais e revistas sobre temas relacionados à imagem empresarial.
- Editor do site www.imagemempresarial.com
- Outros livros publicados: “Baleia Branca” (contos); “Perfume de Gardênia” e A Estupenda Comédia (romances).

XI -ANEXOS

Anexo I

Manual da Ficha de Inscrição
Ficha de Inscrição - Prêmio ABERJE 2007

• Identificação da Empresa

• Nome Fantasia: nome fantasia da empresa concorrente; no caso de inscrições feitas por agências o nome fantasia do cliente.

• Razão Social: razão social da empresa concorrente; no caso de inscrições feitas por agências a razão social do cliente.

• CNPJ: CNPJ da empresa concorrente, no caso de inscrições feitas por agências o CNPJ do cliente.

• Inscrição feita por: ( ) empresa ( ) agência de comunicação, assessoria, autônomo.

Esse item deve ser preenchido pela instituição responsável pela inscrição do trabalho no Prêmio. No caso de inscrições feitas pelas empresas, assinalar (x) empresa. Inscrições feitas pelas agências de comunicação, assinalar (x) agência de comunicação.

• Agência: esse campo deve ser preenchido apenas por inscrição feita por agência de comunicação.

• Responsável pela inscrição: contato que irá receber todas as informações das etapas do Prêmio ABERJE.

• Cargo: cargo ocupado pelo responsável pela inscrição no Prêmio ABERJE.

• Telefones/ Email / Endereço / Cidade / UF / Cep: contatos do responsável pela inscrição no Prêmio ABERJE.

• Fax: fax de contato do responsável pela inscrição

• Outros Contatos: Nome/ telefone/ e-mail de outras pessoas envolvidas no trabalho que possam receber informações do Prêmio ABERJE.

• Identificação do Trabalho

• Título do trabalho

• Período ou data de realização do trabalho (mês/ano): período no qual o projeto foi desenvolvido, dentro do período estipulado no regulamento (jan./06 ao dia 27/04/07).

• Categoria que o projeto concorre: Nesse campo o concorrente deve assinalar em qual categoria o trabalho irá concorrer. Deve ser assinalada apenas 1 (uma) categoria. Para definir a categoria consulte as páginas 15 a 26.

Exemplos:

Projeto desenvolvido para o público Imprensa. Deve ser assinalado somente:
( 05 ) Comunicação e Relacionamento com a Imprensa

Para um trabalho que irá concorrer em Gestão de Mídia Digital deverá ser assinalado o seguinte:
( 14 ) Gestão de Mídia Digital

• Região que o projeto concorre: nesse campo deve ser assinalada a Região que o trabalho irá concorrer com base na sede da empresa, agência ou assessoria onde o trabalho foi desenvolvido ou veiculado.

• Agência de Comunicação ou Relações Públicas, Assessoria de Imprensa: nesse campo relacionar a(s) agência(s) que contribuiu ou contribuíram com a elaboração do projeto inscrito no Prêmio ABERJE. Caso o concorrente queira relacionar mais agência do que permite o campo, incluir um anexo. Nesse campo não deve ser citado o setor interno de Comunicação da empresa.

• Associado: campo destinado às empresas associadas da ABERJE.

• Não-Associado*: campo destinado às empresas não - associadas da ABERJE.
*Verifique valores da taxa de inscrição na página 06. Todas as inscrições devem ser acompanhadas do comprovante de pagamento.

• Data: data do preenchimento da ficha

• Nome: responsável pela inscrição

• Assinatura: do Responsável pela inscrição. Encaminhar via original

Anexo II


Carta Modelo de Autorização do Cliente

Papel Timbrado

Local e Data:

(Nome da Empresa) ___________________________________________________________________________________________

autoriza a agência (nome da agência) _____________________________________________________________________________

a inscrever o projeto (Título do Projeto) ___________________________________________________________________________

na categoria (nome da categoria)________________________________________________________________________________

região ___________________________ do Prêmio ABERJE 2007.


A agência terá total poder para representar a empresa (nome da empresa) no processo seletivo do Prêmio ABERJE.


Atenciosamente,

Assinatura
Nome legível
Cargo


Encaminhar via original

 
Copyright © 2007 ABERJE. Todos os direitos reservados.