Como diretor de Comunicação do IBRAM – Instituto Brasileiro de Mineração, Paulo Henrique Leal Soares tem o importante desafio de trabalhar a reputação do setor. Além dessa atribuição, ele passa também a desempenhar outra função estratégica em sua carreira. Em abril, foi nomeado Diretor do Capítulo Aberje de Brasília.

Graduado em Comunicação Social – Publicidade e Propaganda pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, com especialização em Comunicação Organizacional pela Universidade Federal do Maranhão e em Comunicação Empresarial pela PUC-Minas, Soares tem ainda mestrado em Comunicação na PUC Minas. Para o novo cargo, leva a experiência exitosa como Diretor do Capítulo Aberje Rio de Janeiro durante mais de 10 anos.

A representação da entidade no Distrito Federal pretende expandir a atuação da Aberje, cumprindo a função social da associação em promover a comunicação nas organizações, gerar conhecimento e fortalecer o papel estratégico do comunicador.

Como diretor de Capítulo, Soares tem o papel de divulgar as atividades da Aberje e incentivar a participação dos associados, bem como criar e implementar um calendário de ações locais. Outra parte do cargo envolve analisar informações sobre a atividade de Comunicação em empresas e instituições da região e gerar insights para a associação. Para Hamilton dos Santos, diretor-geral da Aberje, a experiência do executivo será fundamental para acelerar o processo de reunião produtiva dos atuais associados e lançar bases para buscar novos integrantes. A capital federal concentra vários órgãos governamentais e da sociedade civil, além de representações de empresas e estatais. Mobilizar esses profissionais é uma necessidade em direção a uma comunicação pública sempre transparente, ágil e dialógica.

“Será um grande prazer poder trabalhar no Capítulo Aberje Brasília, uma oportunidade para Aberje se aproximar mais dos comunicadores da capital bem como conhecer os seus desafios de trabalho.  Farei uma articulação com os atuais membros, além de incentivar novos associados”, prevê Soares. E completa, dando o tom do seu compromisso: “acredito profundamente no valor do associativismo e que todo profissional deve dedicar uma parte do seu tempo, por um período, contribuindo de forma voluntária para a promoção e advocacy da sua profissão”.

Como início das atividades do Capítulo, Soares já confirma um evento oficial para junho. O acesso será aberto para qualquer comunicador interessado e será divulgado em breve pelo site da Aberje. Na sequência, deverão vir atividades como encontros temáticos, lançamento de livros, realização de cursos de capacitação gerencial e organização de pesquisas regionais.

São associados da Aberje no DF:

˃ Alcoa
˃ Banco do Brasil
˃ Barral MJ Consultores Associados
˃ Caixa Seguradora
˃ CNI – Confederação Nacional da Indústria
˃ Eletronorte
˃ Fenaseg – Federação Nacional das Empresas de Seguros Privados, de Capitalização e de Previdência Complementar Aberta
˃ Fundação Banco do Brasil
˃ IBRAM – Instituto Brasileiro de Mineração
˃ In Press Oficina Assessoria de Imprensa e Comunicação
˃ Máquina CohnWolfe
˃ Oficina da Palavra
˃ Poupex
˃ Profissionais do Texto
˃ SENAI – Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial
˃ SESI – Serviço Social da Indústria.

Além de Brasília, a Aberje possui Capítulos no Rio de Janeiro, Minas Gerais, Espírito Santo, Noroeste Paulista, Grande ABCD, Rio Grande do Sul, Paraná, Santa Catarina, Ceará e Bahia.

Paulo Henrique Soares (Foto: Arthur Calasans)

Paulo Henrique Soares (Foto: Arthur Calasans)

CARREIRA – Profissional com ampla experiência na área de Comunicação Empresarial já tendo atuado em todas as atividades da área – comunicação interna, externa, assessoria de imprensa, relações institucionais, eventos e relacionamento com clientes – Soares trabalhou durante 21 anos na área de Comunicação da Vale, chegando à posição de Diretor de Comunicação e Relações Externas entre março de 2014 e novembro de 2016.

É membro do LiderCom da Aberje, do IABC (Associação Internacional de Comunicadores Empresariais) e do Instituto de Reputação Brasil, além de possuir o título de ABC (Accredited in Business Communication) conferido pelo IABC.  Foi eleito profissional do ano pela Aberje nos anos de 2013 e 2015.  Está na lista do “100 Comunicadores Mais Influentes do Mundo” segundo o The Holmes Report nos anos de 2015, 2016 e 2017. Atua também como professor de Comunicação, palestrante e já escreveu vários artigos sobre a área. Seu livro mais recente é “Sem megafone, com smartphone: práticas, desafios e dilemas da comunicação com os empregados”, pela Aberje Editorial (2017), escrito em conjunto com Rozana Del Gáudio.