×

Odebrecht avança na jornada pela integridade

O desafio de recuperar a credibilidade através da demonstração que o Grupo Odebrecht está mais seguro e ético empresarialmente tem sido o objetivo da série de encontros que a multinacional baiana tem promovido com entidades do setor produtivo baiano e os centros de ensino superior. Desde 2017, a reconstrução empresarial da Odebrecht vem ocorrendo de forma mais intensa na Bahia, estado onde a empresa acumula mais de 830 obras entregues, além de um capital reputacional crescente. A Odebrecht é associada da Aberje.

Nos últimos meses, executivos da empresa vem realizando interações com a Federação das Indústrias do Estado da Bahia (FIEB); Associação Comercial da Bahia (ACB); Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado da Bahia (Fecomércio-BA); Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA-BA); Associação Baiana de Imprensa (ABI); Instituto Brasileiro de Direito e Ética Empresarial (IBDEE); Associação Brasileira de Comunicação Empresarial (ABERJE) etc.

Além das entidades representativas, outra agenda bastante ativada é com a Academia. Em 2018, a Odebrecht já recebeu mais de 800 estudantes em sua sede, na Paralela. Outra vertente do programa de relações públicas executado pelo Grupo é a de participar de fóruns e debates nos centros de ensino, o que já foi feito em diversas oportunidades ao longo do ano.

A estratégia de aproximar a nova Odebrecht das entidades representativas e da Academia, de modo a prestar contas do que foi implantado no Grupo em termos de governança e conformidade, já alavancou a reputação para o dobro da média nacional, segundo dados apurados pelo Reputation Institute em dezembro de 2017.

Outro pilar do trabalho feito pelo Grupo está na permanente capacitação dos seus 58 mil integrantes com foco em Conformidade. Treinamentos obrigatórios vem sendo uma marca importante na jornada da integridade vivida pela Odebrecht nos últimos dois anos. No momento, a Odebrecht S.A. encerra uma capacitação em “Conflito de Interesses” com 100% dos seus funcionários. “É nosso compromisso, na prática, com a ética”, afirma o gerente de Comunicação da Odebrecht S.A. para o Nordeste e diretor do Capítulo Aberje Bahia, Marcelo Gentil.

Patrimônio da engenharia brasileira – Na Bahia, o Grupo Odebrecht possui 10 pontos de contato com a sociedade (Odebrecht S.A., Braskem, OR, Fundação Odebrecht, Odebrecht Engenharia e Construção, Odebrecht Transport, Arena Fonte Nova, Enseada, Bahiamido, Cetrel), gerando milhares de empregos e divisas para o Estado. “Além disso, a admiração da sociedade baiana pela capacidade de entrega de obras de grande complexidade permanece inabalável nos monitoramentos de imagem que vem sendo feitos nos últimos dois anos”, revela Gentil.