fbpx
×

Mobilizações do Tributo ao Futuro são realizadas dentro e fora do Grupo Odebrecht

Rede Aberje

Estreitar laços. Esse foi um dos principais destaques do Tributo ao Futuro em 2019. Desde outubro, mobilizações da iniciativa foram realizadas dentro e fora do Grupo Odebrecht como forma de apresentar a campanha, angariar doações e mostrar um pouco o fruto das contribuições, a partir de produtos da agricultura familiar feitos com cultivos dos beneficiários do Programa Social da Fundação Odebrecht – instituição associada da Aberje.

Empresas como as associadas da Aberje Braskem, Odebrecht S.A., OEC e Federação das Indústrias do Estado da Bahia (FIEB), e também Cetrel, Atvos, OR e Grupo A TARDE, sediaram mobilizações. Denise Plácido, da equipe do Tributo ao Futuro na Fundação Odebrecht, coordenou grande parte dessas ações. “Para nós, é uma forma de envolver Integrantes Odebrecht e a sociedade em geral na campanha. O principal objetivo é explicar a importância do Tributo para a educação de centenas de adolescentes que estudam nas Casas Familiares, escolas rurais parceiras da Fundação. Estar à frente desses momentos significa ter a oportunidade de mostrar às pessoas o nosso compromisso com a continuidade dessa causa”, afirma.

Nos stands montados, também estava disponível um vídeo em realidade virtual sobre a rotina dos estudantes apoiados. Assim, era possível entender de forma lúdica como funciona a prática educacional nas instituições.

DIÁLOGO – As mobilizações do Tributo ao Futuro já vêm acontecendo desde o ano passado. Em 2019, um dos grandes destaques foi a aproximação com empresas de fora do Grupo Odebrecht. Para Thiago Maciel, responsável pelo Tributo na Fundação, esse é um meio de estreitar laços com a sociedade. “Ampliamos nossas conexões e estabelecemos novos espaços de diálogo. Essas trocas foram de suma relevância para que mostrássemos a atuação da Fundação Odebrecht para mais organizações e também a importância da campanha para a educação de adolescentes”, pontua.

Eduardo Dute, Gerente de Marketing do Grupo A TARDE, onde foi realizada uma mobilização em 03 de dezembro, reforça esse sentimento de novas parcerias. “Ações sociais como as que a Fundação Odebrecht exerce são exemplos que devem ser seguidos e louvados. Um projeto transformador não apenas na vida dos adolescentes beneficiados, mas também dos seus familiares. O estímulo à cultura da doação representa a grandiosidade da iniciativa”, comenta.