Ao longo de 2017, a Eletropaulo – associado da Aberje – reforçou seu compromisso socioambiental por meio de ações que resultaram na continuidade de sua estratégia de criação de valor a curto, médio e longo prazo para a companhia e, em consequência, para seus clientes e acionistas. Entre esses valores, destacados no Relatório de Sustentabilidade, produzido pelo 12º ano consecutivo e divulgado recentemente pela empresa, estão o seu programa de produtividade, o gerenciamento de riscos e a nova estratégia de governança corporativa.

O grande destaque do ano foi a migração da Eletropaulo para o Novo Mercado da B3, concluída em novembro de 2017, e que transformou o modelo de governança corporativa da companhia. A migração tem como resultado a melhora da capacidade de investimentos da Eletropaulo e da atratividade dos papéis da companhia para novos investidores. Além disso, por meio do planejamento estratégico de criação de valor, a empresa traçou metas para o ciclo 2018-2022, com o objetivo de permanecer no Índice de Sustentabilidade Empresarial da B3, nas Melhores Empresas para se Trabalhar e, principalmente, aumentar a satisfação dos seus clientes.

Dentro desse plano de metas, a Eletropaulo planeja investir, aproximadamente, R$ 4,9 bilhões até 2022. Esses investimentos vão enfatizar o uso de tecnologia da informação, maior eficiência no atendimento, ganhos reais de produtividade de operações e na evolução contínua da qualidade do serviço prestado. No ano passado, a companha ampliou a automatização da rede de distribuição, por meio da instalação de equipamentos inteligentes, entre outros benefícios, que permitem, por exemplo, que o cliente acompanhe seu consumo de energia em tempo real.

Outras informações: http://relatorio2017.eletropaulosustentavel.com.br/eletropaulo/pt/