×

Gerência de Relações Institucionais e Internacionais da Aberje passa por mudanças

Redação Portal Aberje

O jornalista Tato Carbonaro, que até a semana passada coordenava as áreas de Relações Institucionais e Internacionais da Aberje, assumiu na última segunda-feira (5) o cargo de Senior Partnership Officer – Latin America no King’s College de Londres. Na Aberje, Tato era o responsável pela interface entre a associação e potenciais patrocinadores, professores, alunos e a imprensa. Nos últimos anos, ele também representou a instituição nos principais fóruns de Comunicação Corporativa do mundo, como a Global Alliance e a Fundacom.

“O Tato Carbonaro fez um ótimo trabalho na organização, principalmente na área internacional e na consolidação e expansão dos capítulos da associação nos últimos anos”, afirma Hamilton dos Santos, diretor-geral da Aberje, informando que as antigas responsabilidades do executivo estão sendo absorvidas internamente pelas demais áreas.

Professor titular da ECA/USP e presidente da Aberje, Paulo Nassar faz questão de deixar as portas da associação abertas ao ex-colaborador. “A trajetória do Tato Carbonaro confirma, mais uma vez, a força da Aberje tanto no campo profissional como acadêmico. Ele se formou aqui na Aberje e temos orgulho de termos colaborado para levar um aberjeano para uma instituição como o King’s College de Londres. Sentiremos muito a sua falta, sobretudo em sua representação internacional, o que ele fazia com maestria. Mas como todo aberjeano sempre permanece aberjeano, tenho certeza que ele sempre estará por perto”. Tato segue como doutorando de Paulo Nassar na USP.

Tato seguirá baseado em São Paulo e, como representante da instituição britânica, terá como missão identificar novos parceiros e estreitar as relações com os atuais stakeholders, como Universidades, órgãos do governo britânico, fundos de incentivo à pesquisa, ex-alunos, entre outros. “Sem dúvida é um grande desafio, mas estou bastante animado com a oportunidade de poder colaborar com uma instituição de ensino mundialmente reconhecida, como o King’s College, e ainda poder trabalhar com os nossos vizinhos latino-americanos”, diz.

Tato Carbonaro (Foto: Mariana Pekin)

Tato Carbonaro (Foto: Mariana Pekin)