×

Evento discutiu revolução digital e comunicação no centro de inovação da BASF

Redação Portal Aberje

(Imagem: BASF)

Na terça-feira, dia 18, a Aberje realizou com a BASF o evento “A comunicação e as novas fronteiras da revolução digital”. Debateram o tema Cristiana Brito, Diretora de Relações Institucionais e Sustentabilidade da BASF; Hamilton dos Santos, Diretor Geral da Aberje; Sérgio Gama, Senior Developer Advocate Leader da IBM; Everton Schultz, VP executivo da Weber Shandwick; com mediação de Edward Pimenta, diretor do G.Lab, estúdio de branded content do Grupo Globo.

Durante o encontro, realizado no Onono – centro de inovação e pesquisas científicas da BASF, os palestrantes falaram sobre o impacto das novas tecnologias na comunicação das empresas, transformando as pessoas e os negócios. “É difícil pensar em uma indústria mais impactada pelo digital quanto a da comunicação. Se antes as empresas tinham a impressão de que poderiam controlar alguma coisa nos seus processos de comunicação, com o avanço do digital isso se tornou impossível”, afirma Edward Pimenta, diretor do G.Lab.

A importância de transformar a cultura e o mindset das empresas para o digital foi um dos temas abordados. Para Everton Schultz, da Weber Shandwick, este é o maior desafio da comunicação. “Nós, enquanto comunicadores, temos como missão deixar a tecnologia mais próxima do humano”, afirma. “Quando a gente fala em transformação digital é sim mudança de cultura. Eu preciso estar aonde esses caras estão. Não adianta eu chamar as pessoas para o meu canal. Eu vejo muita empresa dizer: baixe o meu aplicativo, isso é um absurdo. Ninguém mais quer baixar aplicativo. A empresa tem que estar nos canais onde o cara está”, afirma Sérgio Gama, da IBM.

Cristiana Brito, da BASF, conta sobre a transformação na empresa: “A Basf é uma empresa de 150 anos e, por isso, você precisa estar sempre se renovando. Como a gente faz isso? A gente co-cria, se escuta e participa dos diálogos. A comunicação não fica longe disso, porque temos que estar à frente. Ela tem que estar à frente do seu tempo e fazer um evento como esse é escutar e debater como podemos ser pioneiros”.

O evento teve transmissão ao vivo, no link: http://basf.izap.com.br/channels/