Aconteceu no dia 15 de março o “8º Diálogos Aberje do Meio-Dia”, na sede da Aberje em São Paulo, com patrocínio master da Petrobras e patrocínio do McDonald’s. O tema do encontro foi “Relacionamento com Investidores – Prestação de contas, transparência e divulgação de resultados”.

Participaram do debate Geraldo Soares, superintendente de Relações com Investidores do Itaú Unibanco Holding; Gisele Gomes, coordenadora de contas da MAPA Comunicação Integrada; e Pedro Cadina, fundador e principal executivo da VIANEWS Hotwire Comunicação.

Geraldo Soares abriu o debate falando que prestação de contas, transparência, o chamado “accountability” é o que influencia os grandes fundos de investimento a aplicar em uma empresa, seja brasileira ou estrangeira. Nesse contexto, quais são as habilidades que o profissional de Relações com Investidores deve ter? Soares destaca dois pontos principais: a habilidade em comunicação, em saber relacionar-se; e o conhecimento técnico em finanças. “Para ser um bom profissional nessa área, é preciso estar pronto para atender a vários tipos de público, ser comunicativo, dinâmico, e sobretudo entender de finanças e contabilidade”.

Gisele Gomes pontua que, principalmente por causa da necessidade de conhecimento sobre o mercado financeiro, poucos jornalistas e comunicadores se aventuram no mundo das relações com investidores. “Mas isso está mudando, hoje o brasileiro já está falando mais sobre investimentos, temos veículos profissionais cobrindo a área e assessores bem capacitados. Está longe do suficiente, mas o assunto aos poucos vem se popularizando”.

Outro ponto discutido foi a importância do digital. Soares afirmou que ter um site transparente e de fácil acesso e entendimento para as pessoas físicas é crucial para uma boa percepção do investidor. Já Gisele ressaltou ainda a importância de se colocar todas as informações relativas à empresa no meio digital, e acredita que no futuro, 100% delas serão feitas dessa forma.

 

Diálogos-do-Meio-Dia_Rodapé