×

Edenred Brasil e Ticket reforçam apoio à cultura em parceria com Aliança Francesa

Rede Aberje

A Edenred, associada da Aberje, e a Ticket, marca de benefícios de refeição e alimentação do Grupo, apoiam, pelo terceiro ano consecutivo, as atividades do Centro Cultural Aliança Francesa em São Paulo, que contam com espetáculos de música, teatro, cinema e debates da atualidade.

A parceria promove o intercâmbio cultural entre Brasil e França e incentiva o acesso à cultura no País.”Como um Grupo de origem francesa, temos muito orgulho em contribuir com a manutenção e ampliação desse tipo de iniciativa, que é referência na difusão da cultura franco-brasileira. Entendemos que o acesso à cultura é fundamental para o desenvolvimento da sociedade e, por isso, há mais de dez anos, promovemos a conexão de pessoas e cultura por meio de parcerias como essa”, ressalta o Chief Operating Officer Américas da Edenred, Gilles Coccoli.

Em 2018, o Centro Cultural Aliança Francesa realizou 226 atividades, que incluíram sessões de cinema, temporadas teatrais, shows, palestras e debates culturais, impactando um público de mais de 24 mil pessoas. Entre as atividades previstas para o segundo semestre no espaço cultural, estão: Diálogos Transversais, que reúnem especialistas franceses e brasileiros para debater temas da atualidade; Festival da Canção Francesa, show de talentos voltado para os públicos jovem e adulto; sessões de teatro e cinema; e o Jazz FR/BR, que destaca o gênero musical com a participação de artistas brasileiros e franceses.

O Centro Cultural Aliança Francesa promove ações culturais no Centro de São Paulo. A instituição investe no estímulo à produção e à reflexão, bem como na difusão e na promoção da integração entre as culturas francesa e brasileira. A programação completa e os detalhes dos eventos promovidos pelo Centro Cultural Aliança Francesa estão disponíveis em www.teatroaliancafrancesa.com.br

Destaques da programação – 2º semestre 2019

Até 27 de setembro

Peça: A Milionária – A comédia, escrita pelo irlandês Bernard Shaw, narra a história de uma jovem que sofre com um casamento arranjado pelo pai. Ela acaba se apaixonando por outro homem e é obrigada a enfrentar um desafio para tê-lo para si.

Até 30 de setembro

Peça: A Profissão da Sra. Warren. Vivie é uma jovem refinada, que estudou nos melhores colégios e na Universidade de Cambridge. Criada longe da família, não sabe a origem da sua vida confortável. O mundo da garota desaba ao descobrir que a elegante Sra. Warren é proprietária de uma rede de prostíbulos e que tem muito prazer em seu trabalho.

03 de setembro

Diálogos Transversais #12 – o vencedor do Prêmio Albert Londres de Jornalismo Jean-Baptiste Malet vem a São Paulo apresentar o documentário baseado em seu livro O Império do Ouro Vermelho, seguido de debate. Por dois anos, ele realizou um trabalho investigativo sobre o tomate e suas formas (molhos, enlatados, ketchup etc.), para buscar a origem do produto, mostrar a geopolítica alimentar e as faces do capitalismo moderno através do “ouro vermelho”.

29 de setembro, 27 de outubro e 24 de novembro 

Cinéclub Ciclo 3 

Filmes sobre Deficiência, com título exato a confirmar.

5 de outubro

Festival da Canção Francesa. Realizado desde 2010, tem como objetivo promover a descoberta de novos talentos e chamar a atenção para o repertório musical em língua francesa, de Piaf a Zaz, passando pelos quebequenses Coeur de Pirate, pelo malinês Amadou Marian e pelo belga Stromae. Anualmente, a Aliança Francesa de São Paulo organiza uma etapa regional, junto com as unidades de todo o Estado, na qual os talentos que participarão da finalíssima nacional são selecionados.

10 de outubro a 17 de novembro

Peça: 12 Homens e uma sentença – Já a vencedora do Prêmio APCA de melhor espetáculo, em 2010, a peça conta a história é um clássico do cinema, produzido pelo diretor Sidney Lumet, e mostra doze jurados reunidos para decidir se condenam ou não a morte um jovem acusado de assassinar o pai. A narrativa, articulada pelos personagens, é um exercício de argumentação e conflito de paixões acirradas. Apenas um resultado unânime garante a execução, caso contrário, o jovem não poderá ser condenado.

20 de novembro

Jazz FR/BR. Em sua terceira edição, sempre no Dia da Consciência Negra, o festival tem programação de shows gratuitos, food trucks e lounge com curadoria da Casa Elefante e do Sebo Clepsidra, para venda de vinis, livros e CDs sobre jazz.