×

BASF apresenta projetos selecionados pelo edital Conectar para Transformar em São Bernardo do Campo

Rede Aberje

A BASF, empresa associada da Aberje, apresentou os projetos que serão apoiados em São Bernardo do Campo (SP) pelo edital Conectar para Transformar. Ao longo de 2019, três iniciativas receberão apoio: Brincando Comciências, da Fundação Abrinq; Oficinas Gratuitas de Desenvolvimento de Games e Criação de Aplicativos, da VIP Appers; e Prêmio Energia nas Escolas, do Instituto Akatu. Desde 2017, a empresa apoia por meio do edital projetos de impacto social e ambiental que contribuem com o desenvolvimento de cidades onde está presente, sempre com foco nas áreas de educação científica; empregabilidade e educação ambiental e proteção dos recursos naturais e da biodiversidade. Ao todo, 12 projetos foram selecionados pela empresa nesta edição: seis deles no Brasil, três na Argentina e outros três no Chile.

Um evento realizado no Complexo Industrial de Tintas e Vernizes da BASF, na cidade do Grande ABC, teve como objetivo apresentar para a comunidade e demais parceiros envolvidos as iniciativas vencedoras. “Os projetos selecionados atuam em educação e empregabilidade, dois dos maiores desafios sociais que enfrentamos no Brasil. Acreditamos que essas ações terão um importante impacto na comunidade, contribuindo para transformar a vida de muitas pessoas”, destaca Ricardo Gazmenga, diretor de operações de tintas da BASF para a América do Sul.

 

 

O edital Conectar para Transformar faz parte das ações de engajamento social da BASF, que prevê ampliar o impacto positivo da empresa ao conectar a resolução de desafios sociais à estratégia de negócio. A iniciativa, que já beneficiou no Brasil 413 mil pessoas nos últimos três anos, está baseada em dois pilares: valor compartilhado, para contribuir com o desenvolvimento socioambiental e, ao mesmo tempo, realizar negócios rentáveis; e cidadania corporativa, a fim de participar do desenvolvimento social das comunidades em que a BASF está presente. “Buscamos projetos de impacto social ou ambiental que tenham escalabilidade, para que o apoio da BASF seja apenas o início de uma transformação, que possa ser estendida a outras pessoas da comunidade de forma contínua e sustentável”, destaca Ivânia Palmeira, consultora de Sustentabilidade e Engajamento Social da BASF. As iniciativas apoiadas pelo edital Conectar para Transformar contribuem ainda para o atingimento dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), definidos pela Organização das Nações Unidas (ONU), um dos critérios para a seleção dos projetos.

Conheça os projetos que serão apoiados em São Bernardo do Campo (SP):

 

Brincando Comciências – Fundação Abrinq

Desde 2018, o projeto incentiva crianças da pré-escola, com idade entre 4 e 5 anos, a aprenderem matemática e ciências da natureza. Para isso, melhora as práticas pedagógicas desenvolvidas pelos profissionais de educação que atuam em escolas municipais de Educação Infantil em São Bernardo do Campo (SP). Neste ano, a partir do apoio do Conectar para Transformar, o projeto terá seu escopo e abrangência ampliados, beneficiando diretamente 32 professores e coordenadores pedagógicos e 1.800 crianças de oito escolas da cidade. Os profissionais capacitados inicialmente compartilharão o conhecimento com outros 60 educadores, impactando mais 2.200 crianças. No total, 4.000 crianças terão acesso aos kits de jogos e materiais de ciência.

 

Oficinas Gratuitas de Desenvolvimento de Games e Criação de Aplicativos – VIP Appers

O projeto pretende sensibilizar até 1.000 crianças e adolescentes para ampliar seus horizontes em direção ao empreendedorismo digital, ministrar 30 oficinas de software básico nos laboratórios de informática das escolas parceiras e capacitar Página 3 Abril/2019 tecnicamente 20 alunos para o desenvolvimento de softwares e criação de aplicativos. Os alunos impactados são de três escolas da cidade de São Bernardo do Campo, localizadas nos bairros vizinhos a BASF.

 

Prêmio Energia nas Escolas – Instituto Akatu

A ação busca sensibilizar e mobilizar 2.500 alunos e 250 educadores de 45 escolas municipais de São Bernardo do Campo (SP) – 60% da rede pública do município – para o consumo consciente de energia de diversas fontes. O trabalho é apoiado pelos conteúdos e metodologias do Edukatu, rede de aprendizagem desenvolvida pelo Instituto Akatu sobre conceitos e práticas do consumo consciente e sustentabilidade.

 

Para conhecer os projetos selecionados nas demais cidades e também das edições anteriores, acesse http://www.basf.com.br.