×

Artemisia e Fundação Cargill selecionam negócios de impacto social focados em alimentação para serem acelerados

Artemisia Lab Alimentação, programa de aceleração de curto prazo, é destinado a empreendedores com soluções inovadoras em alimentação focadas nos desafios da população de baixa renda. As organizações correalizadoras – Artemisia e Fundação Cargill – vão selecionar até 15 negócios; os três com melhor desempenho ao longo do programa poderão receber um capital-semente de até R$ 20 mil. As inscrições estão abertas até 16 de julho pelo site www.artemisia.org.br/labalimentacao. A Cargill é associada da Aberje.

Segundo Maure Pessanha, diretora-executiva da Artemisia, a iniciativa de selecionar e acelerar negócios de impacto focados na melhoria da alimentação para a base da pirâmide aprofunda a parceria iniciada para a produção da Tese de Impacto Social em Alimentação.

“Com o mapeamento do setor, entendemos as lacunas nas quais os negócios de impacto social podem contribuir para a resolução dos diversos desafios que afetam toda a população, em especial a parcela de menor renda. Com o Artemisia Lab Alimentação, damos um passo além, em direção da potencialização dos empreendedores e seus negócios, como podem trazer soluções inovadoras para os grandes desafios da temática. Na prática, a equipe da Artemisia compartilha com a Fundação Cargill a visão de que é preciso fomentar e apoiar essa nova geração de empreendedores para que possam se desenvolver e gerar o impacto social que precisamos em nosso país”, afirma.

Conduzida pela Artemisia e Fundação Cargill, a “Tese de Impacto Social em Alimentação” reúne informações relevantes sobre os desafios enfrentados na temática pela população de baixa renda no Brasil e pelo setor; e aponta quais são as oportunidades para o desenvolvimento de negócios de impacto social que possam contribuir de forma positiva à sociedade. Os negócios de impacto social são empresas que oferecem, de forma intencional, soluções escaláveis para problemas sociais da população de baixa renda, unindo lucro e impacto social.

Entre as oportunidades detectadas no estudo: acesso ao mercado; produtos e serviços financeiros adequados; ampliação da conectividade; insumos, ferramentas e maquinários adequados e de baixo custo; apoio e capacitação para melhor gestão e produtividade; acesso a alimentos in natura; produção próxima ao consumidor; acesso a refeições saudáveis; armazenamento de alimentos; prevenção & nutrição; e educação nutricional. O mapeamento traz, ainda, exemplos de negócios de impacto social que representam as principais inovações no setor. Acesse a íntegra do mapeamento pelo link: bit.ly/TeseAlimentação

 

FUNDAÇÃO CARGILL – Há mais de 40 anos, a Fundação Cargill tem sido um agente transformador nas comunidades e causas em que atua. Seu foco de atuação está voltado à promoção da alimentação saudável, segura, sustentável e acessível, com iniciativas que vão desde o campo até o consumidor final. Em 2017, a Fundação Cargill desenvolveu e apoiou 45 projetos em 61 municípios, além de fomentar o trabalho de 51 comitês de voluntariado corporativo. Com a ajuda de 852 voluntários, a instituição beneficiou 51.554 pessoas. Mais informações: www.alimentacaoemfoco.org.br.